‘Dia das Mães’: preços de presentes variam até 235,3%, diz o Procon-JP

Por - em 33

Com a proximidade do ‘Dia das Mães’, o Procon de João Pessoa (Procon-JP) realizou uma pesquisa de preços na cidade e visitou 21 estabelecimentos de diferentes segmentos mais procurados, como floriculturas, cesta de café da manhã, perfumes importados e celulares. Apurados os dados, o estudo constatou que a maior diferença de preços se dá entre aparelhos de telefones celulares, que apresentam variação de até 235,3% de uma loja para a outra.

O modelo ‘Sony Ericsson W 200 I’, por exemplo, está sendo comercializado em algumas lojas por R$ 119,00, enquanto que o mesmo produto pode ser encontrado por até R$ 399. O Procon-JP alerta sobre a compra de celulares pré-pagos que pode trazer problemas no futuro. Assim, ao adquirir um produto dessa natureza, o consumidor deve estar de posse de folders ou qualquer prospecto que sinalize para possíveis ‘descontos’, a fim de evitar publicidade enganosa. A questão também do vínculo de até 12 meses na operadora que comprou o produto tem que se levar em conta, uma vez que já são comuns reclamações desse tipo.

Perfumes – Nos perfumes importados, o maior preço foi constatado no item ‘Calvin Klein-BE 100 ml’, que pode ser encontrado por R$ 140,00, enquanto que em outra loja o mesmo produto custa R$ 276,00, apresentando assim uma diferença de 97,1%.

Flores – “Para quem deseja presentear a mãe com um mimo mais em conta, a pesquisa também constatou uma diferença significativa nas flores e arranjos, ou seja, cerca de 60%. Para se ter uma idéia o consumidor poderá adquirir uma simples rosa que varia de R$ 2,50 a R$ 4,00 e arranjos mais incrementados como cestas do campo de R$ 40,00 a R$ 60,00. Nesse caso é bom lembrar que a parte artística deve ser levada em conta, uma vez que não há como mensurar um trabalho artesanal do outro. Vai do gosto do consumidor”, lembra Helton Renê, coordenador de Pesquisas do Procon-JP.

Cestas – Para os filhos que podem gastar um pouco mais há a opção de uma cesta de café da manhã, que varia de R$ 55,00 a R$ 100,00. “Na realidade, o mercado está bem diversificado em preços, prazos e qualidade. Cabe ao consumidor fazer o uso do custo-benefício para cada ocasião”, orienta o coordenador.

O Procon da Capital disponibiliza para qualquer dúvida ou denúncia do consumidor o ‘Disque Procon-JP’, através do número 0800 83 2015. A pessoa interessada pode ainda dirigir-se à sede do órgão, que fica na Avenida Dom Pedro I, 331, Centro (vizinha ao Tambiá Shopping) ou recorrer ao site www.joaopessoa.pb.gov.br. O Procon-JP funciona das 8h às 18h.