‘Outubro do Teatro’ começa com a peça Rebu nesta sexta

Por - em 26

A programação do ‘Outubro do Teatro’ este ano inclui grupos convidados do Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Bahia, Ceará, Goiânia, além de peças com direção estrangeira, de países como Colômbia e Nigéria. As encenações começam já nesta sexta-feira (15) e seguem até o próximo dia 24. Ao todo são 14 espetáculos, além de apresentações resultantes de duas oficinas, ministradas dentro do período. A realização é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Fundação Cultural (Funjope).

Nesta sexta-feira, a partir das 19h10, no Teatro Armando Monteiro Neto do Sesi, o público poderá assistir ao espetáculo “Rebu”, do Teatro Independente do Rio de Janeiro (RJ). O grupo tem representado o Estado de origem nos principais festivais do Brasil e do mundo. A peça conta a história de Matias e Bianca, que são recém-casados e moram em uma casa em meio a um descampado. A trama se desenrola na rivalidade da esposa com os parentes do marido. No trabalho, a encenação vem como uma espécie de ode ao cinema.

O Teatro Armando Monteiro Neto também recebe, desta vez no sábado (16), o espetáculo de dança “My exile is in my head”, com direção do bailarino Qudus Onikeku, natural de Lagos (Nigéria). A apresentação está marcada para começar a partir das 19h10.

‘Eldorado’ – No domingo, a partir das 19h30, ainda no Teatro Armando Monteiro, é a vez da peça “Eldorado”, do Teatro Oda, oriundo de Campinas (SP). O espetáculo conta a história de um cego que, acompanhado por uma “Menina”, busca encontrar o que nenhum homem pôde jamais achar: Eldorado. A encenação nasce da observação da realidade, da interação com construtores e tocadores de rabeca, instrumento presente em muitas manifestações da cultura popular brasileira. A direção e iluminação são de Marcelo Lazzaratto.

Invadir a cidade, propondo uma ruptura lúdica do cotidiano. Essa é a proposta do espetáculo “Dom Quixote”, do grupo Teatro Que Roda, de Goiânia (GO), que se apresenta na próxima segunda-feira, no Ponto de Cem Réis, a partir das 16h30. Na encenação, o personagem consagrado de Miguel de Cervantes vem oferecer ao cidadão uma possibilidade de jogo, um momento de quebra da linearidade do dia-a-dia. A utilização de um segmento do centro da cidade para a encenação das aventuras diz respeito à compreensão de que a realidade urbana exige os rompimentos dignos do clássico espanhol. A direção é do doutor e professor André Carreira.

Destaque – Um dos destaques da programação deste ano no ‘Outubro do Teatro’ é o trabalho desenvolvido pelo Centro de Pesquisa Teatral e Grupo Macunaíma de Teatro (CPT), do diretor Antunes Filho. Trata-se de um dos mais badalados grupos do gênero no Brasil. Há mais 30 anos a companhia não vem a João Pessoa com o espetáculo que rodou o mundo, chamado ‘Macunaíma’. Desta vez, os artistas estão trazendo à capital um trabalho exercício, em duas apresentações, nos dias 22 e 23.

O CPT vai encenar em João Pessoa “Prê-à-Porter – Coletânea 2”, a partir das 19h10, no Teatro Armando Monteiro Neto. O trabalho faz parte do projeto Coletânea e tem como objetivo levar aos espectadores cenas que fizeram parte de algum Prêt-à-Porter, que é uma história de “devaneio”, entre sonho e realidade.

Oficinas – A programação do ‘Outubro do Teatro’ oferece ainda formação, por meio de duas oficinas. Uma delas é intitulada “Do we need Coca-Cola to dance?” (“Precisamos de Coca-Cola para dançar?”). As aulas serão ministradas na segunda-feira (18), das 9h às 12h, e também às 14h, no Teatro do Sesi.

Essa primeira oficina tem o objetivo de levar a dança contemporânea para espaços não convencionais. Neste caso, a rua será “palco” para a apresentação dos resultados. Os interessados em participar dessa atividade de formação devem enviar currículo para a chefe de Divisão de Dança da Funjope, Ângela Navarro (inhanavarro1@yahoo.com.br). São 15 vagas, divididas entre as áreas de dança, teatro e circo.

Quem vai ministrar a oficina é o nigeriano Qudus Onikeku. Aos 17 anos, ele foi para a França, onde se graduou na Escola Superior Nacional de Artes Circenses, tendo se formado como bailarino e acrobata com bolsa integral do governo francês.

A outra oportunidade de formação dentro do ‘Outubro do Teatro’ será a oficina Teatro Varasanta. Ela será ministrada no Sesi, na quarta-feira (20), e na quinta-feira (21). O ministrante é Fernando Montes. Durante o trabalho, a atenção será concentrada na relação-ação entre o “corpo físico” e o “corpo interior”.

As aulas do Teatro Varasanta vão tratar a expressão por meio de elementos fundamentais da vida orgânica, tais como impulso, energia, centro, fluidez, equilíbrio, capacidade de reação, precisão, ritmo e contato. Estão disponíveis 20 vagas para atores, artistas e pessoas interessadas no corpo como veiculo de expressão.

Fernando Montes se formou em Paris (França), com Jacques Lecoq, Mónica Pagneux e Ryzard Cieslak, e em Pontedera (Itália), sob a direção do mestre Jerzy Grotowski e Maud Robart. Ele é um dos poucos latino-americanos ainda em atividade que integrou a última fase do trabalho de Grotowski – Arte como Veículo.

Confira abaixo a programação completa dos espetáculos:

Sexta-feira (15/10)
Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Rebu”/Teatro Independente – Rio de Janeiro – RJ

Sábado (16/10)
Horário: 19h10
Local Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “My exile is in my head”- Qudus Onikeku / Lagos – Nigéria

Domingo (17/10)
Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Eldorado”/Teatro Oda – Campinas – SP

Segunda-feira (18/10)
Horário: 16h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: “Dom Quixote”/Grupo Teatro Que Roda – Goiânia-GO

Horário: 19h10
Local: teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Casa de Ferro”/Grupo Estado Dramático – Salvador-BA

Terça-feira (19/10)
Horário: 16h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: Performance do resultado do Workshop, com a participação de atores e bailarinos de João Pessoa

Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Fragmentos de Liberdade”/ TeatroVarasanta – Bogotá – Colômbia.

Quarta-feira (20/10)
Horário: 16h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: “Seja Noite ou Seja Dia, Viva o Palhaço Alegria”/Carroça de Mamulengos -Juazeiro do Norte – CE

Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “O Cano”/ Udi Grudi – Brasília-DF

Quinta-feira (21/10)
Horário: 16h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: “Gorgônio e Rapadura”/ Udi Grud – Brasília – DF

Horário: 17h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: “História de Teatro e Circo”/Carroça de Mamulengos – Juazeiro do Norte-CE

Horário: 19h10
Local: Teatro Piollin
Atração: “Ensaio aberto- Retábulo”/Grupo Piollin – João Pessoa -PB

Sexta-feira (22/10)
Horário: 16h30
Local: Ponto de Cem Réis
Atração: “Intermezzo”/Teatro Anônimo-Rio de Janeiro -RJ

Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Prê-à-Porter – Coletânea 2”/CPT – Centro de Pesquisa Teatral e Grupo Macunaíma de Teatro

Sábado (23/10)
Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Prê-à-Porter – Coletânea 2”/CPT – Centro de Pesquisa Teatral e Grupo Macunaíma de Teatro

Domingo (24/10)
Horário: 19h10
Local: Teatro Armando Monteiro Neto – Sesi
Atração: “Quem Não Feriu Seu Limite?” – Numa Ciro