‘No calor da Estação’ apresenta banda Sexteto Potiguar nesta sexta

Por - em 32

O Sexteto Potiguar será atração do projeto Sexta com Choro nesta sexta-feira (13), na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. O show está previsto para começar às 18h, no Terraço Panorâmico. O projeto este mês está inserido na programação do “No Calor da Estação”, que está em ação desde o início de janeiro.

Neste show o grupo fará um mix entre música instrumental e chorinho. O grupo de metais e percussão da Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (EMUFRN) foi fundado no ano de 2002 com o objetivo principal de divulgar a música específica para esta formação com ênfase na música brasileira.

Desde então vem participando ativamente dos diversos eventos realizados pela UFRN assim como se apresentando em várias cidades do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Paraíba. Foi o único grupo escolhido para representar o Brasil no 17° Festival Internacional de Música Universitária (FIMU) realizado em Belfort (França) no ano de 2003.

Além das atividades relacionadas com a performance, o Sexteto Potiguar desenvolve um trabalho pedagógico realizando concertos didáticos, bem como cursos de capacitação para os instrumentistas de banda de música de várias cidades do interior do estado e estados circunvizinhos.

O Sexteto Potiguar atua também como um laboratório para os jovens compositores e contribui com a divulgação de novos trabalhos. Com seu repertório alegre e contagiante e sua interpretação descontraída, o grupo tem se apresentado e recebido elogios das mais variadas platéias cumprindo com o seu principal objetivo que é divulgar nossa música, bem como nossos compositores e arranjadores.

No calor da Estação – O projeto é uma junção de sete outros projetos que acontece anualmente na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes que levam arte, cultura, lazer e educação para a comunidade gratuitamente. “Elaboramos uma programação gratuita e de qualidade que visa atender não apenas os jovens, mas as crianças e adultos”, disse Rivaldo Dias, Chefe do Setor de Programas e Atividades da Estação Cabo Branco.