‘Sabadinho Bom’ traz Valtinho do Acordeom para Praça Rio Branco

Por - em 46

Valtinho do Acordeom é a atração da próxima edição do Projeto ‘Sabadinho Bom’, que acontece neste sábado (29), a partir do meio dia, na Praça Rio Branco, localizada no Centro da Capital. A iniciativa, que já desponta como uma das ações culturais de maior impacto e repercussão do Centro Histórico da cidade, é promovida pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da sua Fundação Cultural (Funjope).

Completando 55 anos de carreira, Valtinho do Acordeom demonstra sua paixão pela música até hoje, e se emociona quando lembra o tempo em que tocava na rádio Tabajara. “Em 1954, eu comecei a tocar na rádio Tabajara e permaneci até 68, nessa época, não se ganhava dinheiro com música mais a vida era muito boa, lá tive oportunidade de tocar com a Orquestra Tambaú, do 15º RI, a Orquestra da Rádio Tabajara, toquei com Miltinho, Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Genival Lacerda, Nelson Gonçalves, Altemar Dutra, Noite Ilustrada, Ângela Maria e tantos outros importantes nomes da música brasileira”.

Neste período, o músico esteve por oito meses, no ano de 1964, na cidade de Newark, nos Estados Unidos, tocando em um conjunto típico português. “Pra mim, é muito importante tocar na praça, divulgando a boa música num local aberto, onde as pessoas têm acesso gratuito e eu já tive a oportunidade de ver shows, como e de Zé da Velha e Silvério Pontes, o Choramigo e sei que é um espaço que agrega pessoas que compõem a cena cultural da cidade, portanto, um evento como este é primordial pra fortalecer a cultura musical”, comenta Valtinho.

Cumplicidade – Em 1994, Valtinho fez ma turnê com Canhoto da Paraíba, em diferentes cidades de Portugal, a exemplo da cidade do Porto e Lisboa, numa parceria entre a Universidade Federal da Paraíba e a Universidade de Lisboa, num projeto intitulado ‘Cumplicidades’.

O Poeta do Som – Em julho de 2005, Valtinho participou da gravação do DVD ‘O Poeta do Som’, único DVD da carreira de Sivuca, lançado pela Kuarup, que tem como base a apresentação do compositor no teatro Santa Roza, em João Pessoa. Na ocasião, Valtinho e Poty Lucena tocaram ao lado de Sivuca, o choro ‘De Bom Grado’, de autoria de Glória Gadelha e Sivuca, feito em homenagem a Valtinho e Poty Lucena. O DVD repete os encontros de Sivuca com grupos instrumentais da Paraíba que já haviam sido registrados no CD Terra Esperança.