Abertura de São João da PMJP atrai multidão ao Ponto de Cem Réis

Por - em 60

Uma noite em que a cultura popular e o resgate das tradições nordestinas deram o tom. Assim pode ser descrita a primeira noite das festividades juninas promovidas pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope), na nessa sexta-feira (22).

Abrindo o “São João de João Pessoa – O Melhor da Gente”, às 18h30, a dupla de cantadores de viola João Paulo e Firmino se apresentou no palco de cultura popular cantando repentes e modas de viola, dando as boas vindas ao público que começava a chegar ao Ponto de Cem Réis. Logo depois, a cantora Meire Lima e seus músicos empolgaram os casais que inauguraram o salão ao som de sucessos do autêntico forró pé-de-serra, xaxado e xote.

A Orquestra Sanfônica do Balaio Nordeste levou para o palco principal músicas de Luiz Gonzaga, homenageado da festa ao lado de Marinês. Quando o grupo As Bastianas entrou no palco, o público já estava no clima junino e lotava o Ponto de Cem Réis. A animação das meninas, capitaneadas por Angélica Lacerda, não deixou ninguém parado.

Consolidação – O prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, que fez questão de ficar na Capital para prestigiar a festa, ressaltou o caráter social do evento. “Sabemos que muitos pessoenses não puderam ou não quiseram viajar, daí a importância dessa festa, que consolida um trabalho de valorização da nossa cultura popular e das tradições nordestinas. Quero aproveitar para convidar a todos que estão na Capital para participar do nosso São João”, disse.

A última atração da noite, a Orquestra da Bomba do Hemetério, foi um capítulo à parte. Com o show “Fole Assoprado”, em que os 21 músicos tocam clássicos do forró reproduzindo o som da sanfona com instrumentos de sopro, o público teve contato com uma criativa apresentação de cultura popular. “É nossa primeira apresentação em João Pessoa, e esse show vai ser muito especial, já que eu e muitos dos músicos que estão aqui tiveram o prazer de estudar na UFPB, aqui em João Pessoa”, disse o maestro Forró, momentos antes de entrar no palco. 

O grupo tocou sucessos como “Eu só quero um xodó”, “O canto da ema” e “Feira de mangaio”, arrancando aplausos da platéia, que não arredou o pé do Ponto de Cem Réis até o fim da apresentação.

Campanha – A PMJP aproveitou o clima de festa para reforçar a campanha contra a violência da qual as mulheres são vítimas. Equipes da Secretaria de Políticas Públicas Para as Mulheres (SPPM) distribuíram botons com o slogan “Violência contra mulher. Não combina com arrasta pé” e deram informações sobre como auxiliar mulheres que sofrem violência doméstica.