Abertura dos Jogos Escolares de JP ocorre nesta sexta-feira

Por - em 35

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Educação (Sedec), faz a abertura oficial dos Jogos Escolares Municipais nesta sexta-feira (18), a partir das 16h, no Clube Cabo Branco, em Miramar. Na solenidade de abertura do quarto ano do evento, mais conhecido como Jogos da Primavera, haverá o desfile de atletas de 52 escolas. Durante todo o evento, 67 instituições de ensino da rede municipal se envolverão em competições de diversas modalidades esportivas como futsal, natação, atletismo, vôlei de quadra e praia, futebol de campo, handebol, ginástica rítmica, xadrez e beach soccer.

De acordo com o coordenador dos jogos, Edvaldo Pinheiro de Lucena, além do desfile das delegações haverá apresentação cultural com o grupo de dança ‘União’, formado por alunos e ex-alunos das escolas municipais; apresentação da seleção paraibana de ginástica rítmica, desfile da rainha dos Jogos – Luiza dos Santos, de 16 anos, jogadora de futsal –, juramento do atleta e o acendimento da pira olímpica.

A primeira competição terá início no dia 22 deste mês, no ginásio da Escola Durmeval Trigueiro Mendes (Rangel), a partir das 8h. As primeiras competições serão disputadas pelas escolas João Santa cruz (Novais) e Castro Alves (Funcionários I); Hugo Moura (Mandacaru) e Duque de Caxias (Costa e Silva). Em seguida, as escolas Duque de Caxias e Nazinha Barbosa (Manaíra) e Oscar Castro (Cruz das Armas) e Hugo Moura se enfrentarão nas categorias mirim e infantil, feminino e masculino.

Os Jogos Escolares têm o objetivo de valorizar o esporte na rede municipal de ensino e revelar talentos. A cada ano, meninos e meninas demonstram talentos em diversas modalidades e têm a oportunidade de competir em outros estados. “Neste momento, nossos alunos estão em Poços de Caldas (MG) competindo nos jogos escolares. Eles estão nos representando muito bem nas modalidades de judô, handebol, atletismo e natação. Essas competições têm aumentado a autoestima dessas crianças e jovens.”, disse Edvaldo Pinheiro.