Agente Jovem vai capacitar alunos carentes de 15 bairros da Capital

Por - em 36

Cerca de 200 jovens participaram da aula inaugural da primeira etapa do curso de qualificação profissional do programa Agente Jovem, na tarde desta terça-feira (29), que ocorreu no auditório do Centro Administrativo Municipal (CAM), no bairro de Água Fria. O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) esteve presente à solenidade e falou sobre a nova proposta do programa que, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial na Paraíba (Senai-PB), vai capacitar adolescentes de 15 bairros de João Pessoa na faixa etária de 17 e 18 anos, para atuarem no mercado de trabalho.

Ricardo Coutinho ressaltou que investir na educação profissional dos jovens é fortalecer a relação da oferta de trabalho e a economia da cidade. Além disso, ele lembrou que esse tipo de ação faz parte das políticas públicas do município para as pessoas nessa faixa etária, principalmente os que estão em busca do primeiro emprego. “A juventude tem que se sentir sujeito ativo na sociedade”, destacou.

Ele lembrou que antes o programa se limitava a oferecer cursos que estimulam o protagonismo juvenil e a formação cidadã dos adolescentes que vivem em comunidades carentes de João Pessoa. Agora, ele será ampliado e, além da vivência nesses campos, os jovens irão receber também capacitação profissional.

Cursos – A coordenadora do Programa Agente Jovem em João Pessoa, Cida Sarinho, explicou que serão oferecidos seis cursos para 222 jovens: desses, 135 têm 18 anos ou mais e 87 possuem 17 anos. Receberão a formação os adolescentes que são egressos do programa, já que o Agente Jovem contempla um público na faixa etária dos 15 a 17 anos.

“Nós ficamos preocupados com os jovens que estavam deixando o programa. Porque depois de acabada a sua permanência conosco eles ficavam, muitas vezes, sem saber que rumo seguir”, comentou.

A primeira turma dessa nova etapa do programa vai oferecer cursos de Computação Gráfica, Auxiliar Administrativo, Eletricista Predial, Montagem e Manutenção de Micro, Modelagem/Confecção de Moda Íntima e Serigrafia. Todos eles serão ministrados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial na Paraíba (Senai-PB), a partir de um convênio entre o órgão e a Prefeitura de João Pessoa (PMJP). “Os cursos surgiram atendendo sugestões dos próprios adolescentes. Nas etapas futuras nós pensamos em ampliar as opções”, afirmou.

Agente Jovem – O Agente Jovem é um programa do Governo Federal gerenciado e executado pelos municípios. É voltado para jovens de 15 a 17 anos que residem em comunidades carentes e estão em situação de vulnerabilidade social, pela condição de pobreza, alto índice de violência e elevada concentração de população jovem.

O programa oferece uma bolsa auxílio no valor de R$ 65,00 por mês a cada um dos participantes, que são integrados às atividades do projeto em um período do dia e no outro têm que estar freqüentando a escola.