Agra assina ordem de serviço para obras de infraestrutura no Grotão

Por - em 83

A Prefeitura Municipal de João Pessoa deve entregar até o final deste ano as 119 unidades habitacionais da comunidade Maria de Nazaré, no Grotão, e obras de infraestrutura, como a abertura de vias, recuperação ambiental, contenção de áreas de risco, além da regularização dos imóveis onde vivem as 650 famílias da comunidade. Na manhã desta terça-feira (6), o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, assinou a ordem de realização dos serviços, com investimentos de R$ 10,152 milhões do Governo Federal e da Prefeitura Municipal. Ele destacou que todo o projeto de reurbanização foi realizado em parceria com a comunidade.

“Para se construir uma cidade, é preciso estabelecer diálogo entre a gestão e as comunidades. É preciso ter contato com a população para fazermos as obras. Por isso realizamos as plenárias do Orçamento Democrático,” disse o prefeito. Ele destacou que a área onde está localizada a comunidade Maria de Nazaré é uma Zona Especial de Interesse Social (Zeis) e garantiu a qualidade dos serviços a serem executados.

Conforme o prefeito, as obras devem durar em torno de um ano, mas ele já pediu o empenho da construtora responsável pelos serviços para adiantar os trabalhos e entregar tudo ainda em 2012. Ao fim das obras, as 650 famílias moradoras da comunidade receberão os títulos de posse das unidades habitacionais.

“Esta ação de regularização fundiária é muito importante e vai dar o direito de posse aos moradores. Nossa gestão quer o bem de todos e procuramos fazer um trabalho completo”, frisou Luciano Agra.

Das 119 unidades habitacionais, 75 serão construídas na própria comunidade e 44 serão erguidas no entorno, havendo relocação das famílias. Segundo o secretário de Habitação, José Guilherme, isto será necessário para a realização das obras. “Vamos abrir vias dentro da comunidade e precisamos de espaço. Além disso, serão construídas duas praças e um centro comunitário dentro da comunidade, a pedido dos próprios moradores”, afirmou o secretário.

Outras ações são a ampliação de abastecimento de água, com a construção de uma estação elevatória, além de pavimentação e drenagem de uma área de 3.673,69 metros quadrados. Por se tratar de uma Zeis, José Guilherme disse que serão feitas obras de contenção na comunidade, com a construção de muros de arrimo. “Como a área é vulnerável e já foi bastante degradada, vai ser feita uma recuperação ambiental, com o plantio de árvores”.

Parcerias – Luciano Agra falou sobre a qualidade dos projetos da PMJP e justificou que este é o motivo para o recebimento de verbas do Governo Federal. “Nossos projetos são multidisciplinares e envolvem diversos aspectos. Neste caso em particular tivemos uma parceria de professores da UFPB, que desenvolvem um projeto na comunidade há 15 anos”.

O professor Dalton Lacerda é um dos envolvidos no projeto com a comunidade. “Nós desempenhamos um trabalho nesta comunidade, já tendo desenvolvido uma série de projetos. Agora o processo de urbanização começa a acontecer”.

Já a moradora da comunidade, Jocineide Cajueiro, ressaltou os benefícios que a população receberá. “Nós agradecemos ao prefeito Luciano Agra porque vamos ter nossas casas e um endereço. Com a abertura das ruas vamos receber cartas em casa e, quando alguém adoecer, a ambulância do Samu poderá passar pelas novas vias, o que hoje ainda não é possível acontecer”.