Agra saúda novos convocados do concurso da Saúde da PMJP

Por - em 27

“Queremos uma saúde com cidadania para nossos funcionários e para nossos usuários”, afirmou o prefeito Luciano Agra na manhã desta segunda-feira (28), em evento realizado para os 110 convocados do concurso da Secretaria de Saúde, no Centro Municipal de Capacitação de Professores (Cecapro). Na ocasião, os convocados conheceram suas obrigações no serviço público municipal. Até o ano que vem, os 900 aprovados restantes devem ser convocados pela prefeitura.

O prefeito Luciano Agra disse para os convocados da Saúde que a tarefa que os espera não é fácil, mas que deve ser cumprida com respeito pelo próximo. “Nesta missão vocês devem amenizar o sofrimento do outro e tratá-lo como gostariam de ser tratados”. Ele destacou os avanços do setor nos últimos anos e disse que isto também é resultado da qualificação dos profissionais.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Roseana Meira, os hospitais passaram por remodelações na sua estrutura física e aumentaram sua prestação de serviço. “O complexo hospitalar de Mangabeira opera com serviços de urgência e o do Valentina agora vai começar a realizar cirurgias, além do serviço clínico em pediatria. Já o Santa Izabel vai oferecer cardiologia clínica e neurologia”, explicou a secretária. O próximo passo é implantar o tratamento de hemodiálise.

Roseana Meira também ressaltou a importância do papel do profissional da saúde em uma comunidade. “É um trabalho de responsabilidade que deve ser prestado de modo que a população se sinta bem ao ser atendida”. O diretor de Gestão do Trabalho da Saúde, Judas Tadeu, reafirmou o discurso da secretária. “Quem trabalha com saúde lida com ser humano e ele merece ser tratado da melhor maneira possível”.

A ouvidora municipal, Tânia Brito, também participou da solenidade apresentando o funcionamento da Ouvidoria. “É a partir das informações que chegam à Ouvidoria que balizamos as condições do funcionamento do serviço público da parte de quem presta o serviço e de quem o recebe”.

Convocações – O chefe do poder executivo na Capital afirmou estar com sentimento de dever cumprido ao convocar mais 110 aprovados no concurso realizado em abril do ano passado. Ele afirmou que ao longo do ano serão feitas novas contratações. “Temos responsabilidade e, portanto, não podemos convocar todos de uma vez, pois há o período de treinamento e organização na rede pública”.

Em dezembro do ano passado houve 74 convocações, somando 184 pessoas. No concurso realizado em abril do ano passado, foram oferecidas 1.100 vagas, além de 54 para portadores de necessidades especiais. Segundo Roseana Meira, a expectativa é chamar os 900 aprovados restantes até o fim do ano que vem. Os convocados já começam a trabalhar nesta terça-feira (1º) no Instituto Cândida Vargas, no Hospital Geral Santa Izabel, no Complexo Hospitalar Valentina Figueiredo e no Complexo Hospitalar Mangabeira Governador Tarcísio Burity.

Expectativas – A técnica de enfermagem Ana Paula diz esta ansiosa para começar a trabalhar e que vai dar o melhor de si no desempenho de sua função. Já a enfermeira Juliana Pordeus está feliz da vida em ingressar no quadro fixo da prefeitura. Ela já atua como prestadora de serviço, mas agora vai trabalhar como concursada.