Alunos conquistam vagas na Olimpíada Escolar Brasileira de Xadrez

Por - em 51

Três alunos da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), que integram o Projeto Xadrez Escolar, se preparam para participar da Olimpíada Escolar Brasileira de Xadrez, que acontece entre os dias 8 e 14 de setembro, na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. O projeto, desenvolvido por meio da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), conta atualmente com uma média de 4.000 estudantes do ensino fundamental I e II.

Desde o início do ano letivo que os enxadristas da Rede Municipal de Ensino participam de seletivas e se classificam. “A participação desses três alunos nessa competição de âmbito nacional se torna inédita, já que pela primeira vez a rede pública domina os classificatórios para este importante evento. Isso se torna importante para quê outros estudantes vejam o exemplo e busquem seus objetivos, saindo da ociosidade e evitando, assim, os transtornos no nosso cotidiano”, enfatizou o coordenador do Projeto, Francisco Cavalcanti.

A disputa vai contar com enxadristas de todo o país. Cada estado trará dois representantes, sendo um feminino e um masculino, na categoria 12 a 14 anos. A Paraíba, por sediar o evento, terá direito a quatro vagas, das quais a capital conquistou três, sendo duas no feminino e uma no masculino.  Os estudantes conquistaram a vaga após seletivas realizadas entre as escolas particulares e públicas da Paraíba.

Participantes – O estudante do 9º ano da Escola Leônidas Santiago, no bairro do Rangel, Antônio da Silva Tomaz, de 13 anos, é o atual campeão das Olimpíadas Escolar Municipal e Estadual. O adolescente começou o interesse pelo esporte há quatro anos. Hoje, estuda pela manhã e à tarde é monitor, juntamente com a professora Fátima Kobayashi. “Nas primeiras aulas já pude notar o desenvolvimento e a força de vontade do Luiz que sempre mostrou muita dedicação e compromisso na atividade. Mesmo agora, tendo um nível mais avançado, ele sempre se dispõe a levar adiante o conhecimento para os outros alunos”, enfatiza Fátima.

As outras duas representantes de João Pessoa são as gêmeas, Vivian e Lilian Rodrigues, de 13 anos. Uma está matriculada no 8º e a outra no 9º ano da Escola Padre Pedro Serrão, no Cristo. Vivian é atual campeã da Olimpíada Escolar Estadual e Lilian campeã da Olimpíada Escolar Municipal. As duas iniciaram o xadrez no 5º ano, de início, por iniciativa da mãe que as escreveu no projeto. Meses depois, elas já se destacavam entre a turma. “As meninas têm aptidão e interesse na prática do xadrez. São sempre assíduas e muito comprometidas. Elas se empenham na escola e treinam muito entre si”, afirma a professora.

Xadrez Escolar – O projeto foi implantado nas escolas municipais de João Pessoa no ano de 2006. Desde então, vem destacando alguns alunos, que já participam de jogos escolares, competições federativas e concursos.

Atualmente, a iniciativa é realizada em 70 unidades escolares. Para os estudantes do fundamental I (1º ao 4º ano) às aulas de xadrez acontecem semanalmente dentro da sala de aula. Já para os estudantes do fundamental II (do 5º ao 9º ano) às aulas acontecem no turno oposto ao que este freqüenta a escola. Mais informações podem ser feitas na coordenação do Projeto, através dos telefones: 8743.8444 ou 3214.4135.