Alunos da rede municipal ganham livros didáticos sobre trânsito

Por - em 32

O programa “Educação para o Trânsito: João Pessoa uma cidade que anda” coordenado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Sedec) irá intensificar dentro da formação continuada dos educadores, a temática trânsito no uso do currículo escolar, perpassando pelas demais áreas de conhecimento. Entre as novidades está a distribuição em todas as escolas da rede municipal da coleção de livros “Viva o Trânsito”, produzido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para uso didático em sala de aula.

Os livros com textos acessíveis e ilustrados são adequados a diferentes faixas etárias do ensino fundamental, com histórias, curiosidades e sugestões de atividades com objetivo de levar à análise e reflexão de diversos temas relacionados ao trânsito brasileiro. A coleção de livros vem acompanhada também de dois softwares educativos. “Assim, de forma lúdica e interativa, será possível trazer à tona questões relacionadas ao transito e desenvolver valores, posturas e atitudes éticas e de espaço público”, enfatiza Micherlane de Melo Souto, coordenadora do programa pela Sedec.

Os seis mil educadores da rede municipal estão todos envolvidos com o processo educativo do trânsito, nas atividades dentro e extra-classe. O Programa funciona em todas as 93 escolas do município desde que a lei federal  Nº 9.503  institui a obrigatoriedade de se trabalhar o trânsito de forma transversal e interdisciplinar em todas as escolas públicas. O prefeito Ricardo Coutinho reforçou esta iniciativa federal também através de uma lei, a de Nº 11.350, de 2008, que direcionou ainda mais aos educadores para tal tarefa, sendo o tema incorporado à formação.

O Programa Educação para o Trânsito parte dos seguintes eixos temáticos: o jeito de ser dos lugares; transitar é conviver; locomoção; as cidades; ir e vir, direito de todos. A diretora da escola Carlos Neves da Franca, localizada no bairro José Américo, Lúcia Maria Teixeira, tem apostado no programa dentro das atividades educativas. “Estamos continuamente trabalhando o trânsito através de oficinas. Além disso, realizamos ações comunitárias, com panfletagens de conscientização, discussão dos problemas de trânsito no bairro e várias atividades dentro das próprias disciplinas, como história, geografia e até matemática”, enfatiza.

Valores de Trânsito – Este segundo semestre várias atividades estão sendo planejadas como o Seminário de Educação para o Trânsito, destinada a toda sociedade civil, uma ação de parceria entre o STTrans e a Educação. A Sedec está incentivando também para que todas as escolas da rede participem da Semana Nacional do Trânsito, que acontece de 18 a 23 de setembro. Cada unidade educacional deverá programar suas atividades, pautadas nas temáticas dos valores que devem ser obrigatórios nas relações de trânsito como: respeito, gentileza, cooperação, tolerância e colaboração.

A diretoria de gestão curricular da Sedec estará também trabalhando junto às escolas-pólos para planejamento das ações de trânsito, para incentivar as ações coletivas e o trabalho integrado entre as disciplinas. “Nosso maior compromisso é ensinar que o trânsito é maior do que carros e avenidas, sinais e pedestres, mas envolve todo o nosso andar, nosso transitar na vida, como pessoas e valores”, enfatiza Micherlane.