Alunos de escola municipal expõem projetos em ‘Mostra de Robótica’

Por - em 30

Por toda a manhã desta sexta-feira (30), os alunos da Escola Municipal Aruanda, localizada no bairro dos Bancários, realizaram a ‘I Mostra de Robótica da Aruanda’. Foram expostos os trabalhos produzidos durante o ano de aplicação do Projeto Robótica na Escola, uma iniciativa da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec) de João Pessoa. Estiveram envolvidos na Mostra os alunos do 2º ao 9º ano e cada turma apresentou uma atividade.

Os alunos do 2º ano trabalharam o tema ‘Brincando de construir brinquedos’, envolvendo a construção de materiais tecnológicos com as brincadeiras cotidianas. Já os alunos do 3º ano desenvolveram o projeto explorando a temática ‘Educação para o trânsito’, trabalhada de forma interdisciplinar. Os alunos do 4º ano produziram o projeto ‘Corrida em direção à água’, que uniu os conhecimentos pela preservação do meio ambiente às técnicas do projeto.

Já os alunos do 5º ano apresentaram o projeto vencedor do ‘I Workshop de Tecnologia’, realizado em outubro deste ano. Com o nome ‘Operação Limpeza’, cujo personagem principal é um robô de limpeza. “Foi muito legal produzir esse robô. Foi a primeira vez que eu estudei alguma coisa de informática e também de meio ambiente. O projeto me ajudou muito na iniciação desses dois conhecimentos novos na minha vida”, comentou Débora Ferreira, aluna do 5º ano e que fez parte da produção do ‘Operação Limpeza’.

Atualmente fazem parte do Projeto Robótica na Escola nove estabelecimentos da rede municipal de ensino, envolvendo ao todo 4.500 alunos, do 5º ao 9º ano. Para o processo de aplicação do projeto em sala de aula, os professores e monitores passaram por um curso de capacitação com a finalidade de orientar como seriam utilizadas as novas ferramentas pedagógicas repassadas pela robótica.

Expansão – Em 2008, o Projeto pretende se expandir para mais 45 escolas, totalizando assim cerca de 30.000 alunos da rede municipal de ensino envolvidos com a Robótica Educacional. “A Sedec tem buscado estimular todos os participantes desse projeto que tem se mostrado de muita importância, principalmente pela intercessão de conhecimentos que ele tem oportunizado, mostrando que tudo ao nosso redor é objeto de estudo e as novas tecnologias podem se unir a eles de forma a só acrescentar”, enfatizou Ariane Norma Menezes de Sá, secretária de Educação.