AnimaCentro oferece atrações gratuitas para a população e reúne público de todas as idades

Por Andrezza Carla - em 254

Música, teatro, cinema e apresentações infantis espalhadas por locais estratégicos do Centro da cidade. Quem optou por aproveitar o resto do fim de semana, em família ou entre amigos, na tarde deste domingo (10) teve várias opções de lazer para escolher. A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) realizou neste fim de semana mais uma edição do AnimaCentro, projeto que tem levado atrações gratuitas para a população, fomentando a nossa cultura e incentivando o trabalho dos artistas locais. O Parque da Lagoa, a Villa Sanhauá, a Casa da Pólvora e a Praça da Independência foram palco de muita arte e alegria, reunindo atrações para todas as idades.

O AnimaCentro é  uma realização da PMJP por meio da sua Fundação Cultural (Funjope), das Secretarias de Comunicação (Secom), Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Infraestrutura (Seinfra), Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Mobilidade Urbana (Semob), Meio Ambiente (Semam), Habitação (Semhab), TV Cidade e Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur).

Dona Maria da Penha mora no bairro Colibris e trouxe os gêmeos Benjamim e Helena, seus netos, para conhecer o projeto. “É a primeira vez que a gente vem e estamos impressionados com a organização. Muito bacana a iniciativa de pensar espetáculos para as crianças”, destacou. Ela veio conferir a apresentação do grupo infantil Planeta Mágico, que contagiou a todos com a sua apresentação no Parque da Lagoa. O grupo tem uma proposta interessante, que reúne músicas infantis que marcaram época, além de trabalhos autorais. Tudo sendo apresentado de maneira lúdica, com interpretações no palco e interação com a criançada.

A banda é composta por Caique Catunda (violão), Artur Oliveira (baterista), Matheus Lopes e Werton Coutinho (metal) e no vocal Alexandra Oliveira e Ryan Nery, que dão vida aos personagens Martin e Lua. Além dos músicos, o show conta com a participação de um corpo de balé, coreografados por Sérgio Naza. Esta é a segunda vez que a banda integra a programação do AnimaCentro.

“Participamos em outro momento com apresentação na Praça da Independência e foi maravilhoso. O mais bacana é que é um show para todas as idades, porque selecionamos músicas que marcaram época para interpretar e é gratificante ver os pais revivendo essas canções ao lado dos filhos”, destacou Caíque Catunda, integrante do grupo.

Quem também aproveitou as atrações do Parque da Lagoa neste domingo foi Iraneide da Paz, que veio de Santa Rita com os netos José Messias e Luis Henrique para aproveitar o AnimaCentro. “É a segunda vez que a gente vem e é ótimo para gastar a energia das crianças, porque além das apresentações tem os parquinhos e o espaço para eles ficarem à vontade”, destacou.

Karina Araújo veio do Valentina para aproveitar a tarde com os filhos Davi e Arthur e seu esposo. Ela fez um passeio pelo Parque na Mini-Maria Fumaça com as crianças. “Primeira vez que a gente vem e adoramos. Boas atrações, espaço perfeito e com muitas opções de lazer”, explicou.

Villa Sanhauá – Na Villa Sanhauá, uma programação especial fez todo mundo gargalhar. O Palhaço Dadá e sua turma apresentaram o melhor da arte circense para a população. Ao ouvir a tradicional saudação ao “respeitável público”, a criançada não resistiu e correu para conferir a apresentação dos artistas. A maioria do público foi formado por crianças do Porto do Capim, mas também teve gente que veio de longe conferir a apresentação, como é o caso de Luana Laís, que mora em Cabedelo. “A gente ficou sabendo do evento e se programou pra vir e estamos adorando. Os palhaços têm uma apresentação bem dinâmica e isso é bom demais para as crianças”, explicou Luana, que trouxe o pequeno Adam, de um ano e seis meses, para assistir ao espetáculo.

Já a Praça da Independência foi palco para um verdadeiro show de cultura para a criançada, com a apresentação do grupo Forrobodó e a peça ‘Uirapuru’. De maneira lúdica, os atores fizeram um resgate de algumas lendas indígenas que fazem parte do imaginário da população. Tudo isso embaixo das árvores da praça, num fim de tarde agradável e com conforto e bem-estar para a população presente.

Pólvora Cultural – Quem optou por curtir o pôr do Sol no Parque Cultural Casa da Pólvora pôde assistir ao show do cantor e compositor Fuba. Na ocasião, o mestre contou com participações especiais de Val Donato, Zé Neto e Madu Ayá. No início do show, o cantor elogiou o AnimaCentro. “Na década de 80, participei de grandes eventos culturais aqui neste local, que é mágico, com uma vista incrível. É fantástico ver que a Prefeitura retomou atividades aqui com esse projeto”, destacou.

A Pólvora Cultural movimentou as ruas no entorno da Casa da Pólvora e os ritmos contagiaram os moradores que se dizem satisfeitos com as apresentações, como é o caso de Lizonete Ferraz, de 70 anos. Ela mora bem em frente ao Parque há 38 anos e disse que o AnimaCentro tem dado uma nova vida ao local. Aos domingos, ela reúne filhos e netos em sua varanda para curtir as apresentações. “A  gente gosta muito, porque movimenta a rua, anima e os shows são muito bons, sempre trazendo novas atrações”, explicou a aposentada.

Cinema ao ar livre – Encerrando a programação deste domingo, o Parque da Lagoa foi palco de mais uma edição do ‘Cine AnimaCentro. Neste final de semana, foi exibido o filme ‘Meu Malvado Favorito 3’, recorde de bilheteria nos cinemas e que contou com grande participação do público. Adam Gabriel tem nove anos e veio conferir com seus pais. “Gostei muito desse filme no cinema e vim assistir. Me diverti muito à tarde e antes de ir pra casa vou ver novamente o filme, gosto muito dos minions”, destacou.