Ano Cultural Sérgio Castro Pinto é encerrado na terça-feira

Por - em 42

O Ano Cultural Sérgio de Castro Pinto, promovido pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Educação (Sedec), será encerrado na próxima terça-feira (10), às 14h, no auditório da Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Artes. Na solenidade, que contará com as presenças do prefeito Ricardo Coutinho e do poeta Sérgio de Castro Pinto, haverá exposições literárias e de fotografia, além do anúncio dos ganhadores dos prêmios ‘Estudante Destaque’ e ‘Ilustração’ e do Projeto Interdisciplinar.

A expectativa é que o evento reúna cerca de 500 pessoas entre alunos, educadores e sociedade em geral. O prêmio ‘Estudante Destaque’ se constitui de uma produção textual com o tema ‘Uma Viagem pelo Mundo Animal’. Cada um dos 150 alunos participantes ganhará um computador e cada um dos educadores-orientadores desses estudantes receberá aparelhos de MP4.

As produções dos 130 ganhadores do ‘Prêmio Ilustração’, que consta de representação gráfica feita pelos alunos, ficarão expostas. Os dois que mais se destacarem, juntamente com os orientadores, ganharão uma câmera fotográfica. As 50 fotografias clicadas pelos professores, inspirados pelo tema ‘Olhares sobre o Cotidiano dos Animais na Cidade de João Pessoa’, terão as fotos expostas no segundo andar da Estação Cabo Branco até o dia 6 de dezembro.

Já o Projeto Interdisciplinar, que tem como tema ‘Poesia na Escola’, vai premiar a escola municipal que mais se destacou, entre as 23 que se inscreveram, com um aparelho de Data Show. Todos os premiados foram escolhidos e autorizados por uma comissão julgadora, oficialmente publicada no Semanário Oficial.

Ano Cultural – O projeto Ano Cultural é uma iniciativa da Prefeitura de João Pessoa desenvolvida desde 2007, com o objetivo de homenagear uma personalidade paraibana de destaque no cenário cultural brasileiro e incentivar o estudo de suas produções nas escolas municipais.

Essa é a 3ª edição do projeto, que prestou uma homenagem ao poeta paraibano Sérgio de Castro Pinto. A 1ª edição homenageou Ariano Suassuna e destacou as obras de dramaturgia e de iluminografia do autor, inspirando os alunos das escolas municipais. Em 2008, na 2ª edição, foi a vez do poeta José Lins do Rego. Os alunos trabalharam o conto, através do livro ‘Menino de Engenho’.

Sérgio de Castro Pinto – O poeta, professor e jornalista Sérgio de Castro Pinto nasceu em João Pessoa, na Paraíba. É formado em Direito e exerce a docência de Literatura Brasileira na Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Ocupa a cadeira de número 39 na Academia Paraibana de Letras, cujo patrono é o escritor José Lins do Rego.

Dentre suas obras estão:

‘Gestos Lúcidos’, Edições Sanhauá, 1967
‘A Ilha na Ostra’, Edições Sanhauá, 1970
‘Domicílio em Trânsito’, Civilização Brasileira, 1983
‘O Cerco da Memória’, UFPB, 1993
‘A Quatro Mãos’, (poesias, com ilustração de Flávio Tavares), UFPB, 1996
‘Os Paralelos Insólitos’, discurso de posse na APL, UFPB, 1996
‘Longe Daqui, Aqui Mesmo – A Poética de Mário Quintana’, Editora Unisinos, 2000