Atualização de cadernetas de vacinação termina nesta sexta

Por - em 35

Nesta sexta-feira (24), encerra-se a campanha de atualização das cadernetas de vacinação de crianças com até 5 anos de idade. A ação da Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), teve início no dia 18. Na Capital, são cerca de 52 mil crianças nessa faixa etária.

Os pais ou responsáveis devem levar as crianças a uma das 180 USFs de João Pessoa para atualizar a caderneta de vacinas e receber as doses da segunda etapa da tríplice viral, além de um reforço contra a poliomielite, seguindo recomendação do Ministério da Saúde.

Campanha – Estão disponíveis todas as vacinas do calendário básico infantil, incluindo a pentavalente e a vacina inativada poliomielite (VIP), lançadas este ano. A primeira reúne, em uma única aplicação, a proteção contra a difteria, o tétano, a coqueluche, meningite e a hepatite B.

A VIP é indicada para crianças que nunca foram imunizadas contra a pólio. A partir de agora, elas tomam a primeira dose aos dois meses, e a segunda, aos quatro. Já a terceira dose (aos seis meses) e o reforço (aos quinze meses) continuam com a vacina oral de Pólio (VOP), ou seja, as duas gotinhas.

 

Vitamina A – Desde 2008, a SMS determinou, como política de gestão municipal, introduzir a gotinha de vitamina A na Campanha Nacional de Vacinação contra poliomielite (1ª e 2ª etapas), como forma de ampliar o acesso e aumentar a cobertura. De acordo com o Ministério da Saúde, o uso da vitamina A é priorizado nos municípios incluídos no Plano Brasil Sem Miséria.

A suplementação contribui para a redução de doenças infecciosas, diminui a mortalidade infantil e contribui para a saúde da visão e o pleno desenvolvimento cognitivo das crianças, na faixa etária entre 6 e 59 meses. Elas devem receber uma dose a cada seis meses.

Contra-indicação – As vacinas de bactérias ou vírus vivos atenuados não devem ser administradas, em princípio, em indivíduos com imunodeficiência congênita ou adquirida; acometidos por neoplasia maligna; em tratamento com corticosteródes em esquemas imunossupressores ou submetidos a outras terapêuticas imunossupressoras (quimioterapia antineoplásica e radioterapia, entre outros).

Link – O calendário básico de vacinação da criança pode ser visto no link