Aula inaugural abre cursos de qualificação no Funcionários II

Por - em 23

“Acredito que participar de um curso aqui no Centro vai me ajudar a conseguir uma oportunidade de trabalho”. A expectativa de Uéverson Filipe Silva Alves, 21 anos, é a mesma de dezenas de outros jovens que irão participar dos cursos de qualificação oferecidos no Centro de Referência para Inclusão Social e Produtiva Maria de Nazaré no bairro Funcionários II. Na manhã desta segunda-feira (22), Uéverson e outros jovens da comunidade Maria de Nazaré assistiram a aula inaugural dos cursos do Centro, ministrada pelo secretário de Desenvolvimento Social, Lau Siqueira.

Dentre os cursos oferecidos no Centro de Referência estão os de informática básica, pedreiro de acabamento, pedreiro azulejista (assentador de cerâmica), pedreiro emassador de parede e assentador de telhado, mosaico e pintura decorativa e empreendedorismo. As inscrições e os cursos oferecidos pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), são totalmente gratuitos. As aulas duram em média três meses.

Assim como Uéverson Filipe, que irá participar dos cursos de assentador de cerâmica, a jovem Evelyne Márcia Vieira do Nascimento, de 23 anos, está em busca de conseguir um emprego e considera os cursos oferecidos pelo Centro uma boa oportunidade de enriquecer o currículo e ocupar uma vaga no mercado. “Vou participar do curso de empreendedorismo e quero fazer depois o curso de informática. Essa é uma boa oportunidade de adquirir novos conhecimentos”, revela, ressaltando a facilidade de frequentar as aulas, já que o Centro fica bem próximo de sua casa.

“Após participarem dos cursos, os alunos vão ter um encaminhamento ao mercado de trabalho contando com a orientação de uma equipe de profissionais. Queremos estabelecer um pólo de desenvolvimento da comunidade através da educação”, destaca o secretário Lau Siqueira. Segundo ele, esse é um novo conceito implementado no Centro, que irá disponibilizar aos ex-alunos acompanhamento de assistente social, psicóloga e pedagoga. O local terá outro diferencial, pois as aulas práticas dos cursos de Construção Civil serão realizadas na própria comunidade Maria de Nazaré, recuperando áreas comuns utilizadas pelos moradores.

Segundo a coordenadora administrativa do Centro, Socorro Miranda, cerca de 300 jovens da comunidade já se cadastraram para participar dos cursos, mas algumas turmas da área de construção civil ainda disponibilizam vagas. “Para se inscrever os candidatos devem ter no mínimo 16 anos e devem apresentar CPF, RG e comprovante de residência”, informa. Para os jovens com idade entre 16 e 18 anos, é preciso apresentar uma declaração que comprove que estão estudando. Ao todo estão sendo disponibilizadas 152 vagas para os cursos e 400 vagas para as oficinas.

O Centro de Referência para Inclusão Social e Produtiva Maria de Nazaré possui 654 m2 de área construída, possuindo salas de aula, biblioteca, refeitório, almoxarifado e espaço para reuniões. A unidade de capacitação profissional é gerida por um Conselho Gestor, que conta com a participação de representantes da comunidade, da Sedes e de instituições parceiras, como Fundação de Apoio ao IFPB (Funetec) e Universidade Federal da Paraíba (UFPB). A Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) é co-financiadora do projeto de instalação do Centro.