Bailarina paulista se apresenta nesta quinta-feira, em Tambaú

Por - em 31

A bailarina Isabel Marques, da Caleidos Companhia de Dança de São Paulo, apresenta o espetáculo ‘Coreológicas’ dentro do Festival Novembro da Dança, nesta quinta (15), às 20h, na tenda do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), instalada na Praia de Tambaú, em frente ao Busto de Tamandaré. Na sexta (16), o espetáculo toma conta da Praça da Paz, nos Bancários, logo após a apresentação do também grupo paulista Balangandança, com dança contemporânea para crianças.

‘Coreológicas’ aborda temas de movimento diferentes de forma artística, lúdica e prazerosa para público com diversas culturas corporais. O público é chamado a assistir e a participar corporalmente do espetáculo, integrando a atividade estética e educacional.

O espetáculo é verdadeiramente inclusivo, pois convida e agrega, dançando, corpos, idades, etnias, classes e gêneros em processo de apreciação e criação individual e coletiva. Nesse espetáculo, outras formas de relacionamento entre artistas e público são lançadas estabelecendo uma nova relação entre a dança e a sociedade em que vivemos.

Isabel Marques formou-se em Pedagogia, fez mestrado em dança no Laban Centre for Movement and Dance, em Londres, e é doutora em dança e educação pela USP e tem a preocupação com o ensino da dança no mundo contemporâneo, principalmente no que tange às interfaces entre o regional/popular e o urbano.

Seguindo o pensamento de Paulo Freire, presente em sua pesquisa de doutorado, acredita numa linguagem corporal relacionada com o cotidiano das pessoas, com suas vivências e com a possibilidade de recriação das danças tradicionais.

Mais atrações
– A programação desta quinta na Tenda Cultutal montada pelo COB também reserva o espetáculo ‘Portal’, da Produções Cia. de Dança de João Pessoa, com direção e coreografia de Maurício Germano. Segundo o coreógrafo, trata-se de uma composição baseada nos retirantes das grandes tragédias contemporâneas. “Estamos à margem de uma grande revolução da natureza. O que fazer quando atingir a todos nós? Será o apocalipse?’, indaga. A nova montagem da Produções Cia de Dança tem como tema uma caminhada que nos leva ao recomeço, com o corpos em eterno movimento e permanente procura.

O ‘Novembro da Dança’ reúne grupos de dança da Paraíba, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul numa promoção Fundação Cultural (Funjope), com apoios da Fundação Nacional de Arte (Funarte), Caixa Econômica Federal (CEF), Serviço Brasileiro de Apoio ás Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Secretaria de Educação e Cultura (Sedec).

O projeto tem o objetivo de promover o desenvolvimento da produção de dança na Capital, através de um encontro nacional que reúne as mais variadas vertentes desta atividade artística, a fim de oportunizar formação, informação e intercâmbio aos profissionais da área e ao público em geral.