Bica deve receber 20 mil visitantes e é mais uma opção de lazer durante verão

Por - em 64

Um espaço de lazer e contato com a natureza é o que oferece o Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica), no bairro de Tambiá, para os visitantes no período de férias. Segundo o diretor da Bica, Edílson Batista de Lima, a previsão é receber entre 15 e 20 mil pessoas durante os meses de janeiro e fevereiro.

Em busca de diversão para a família, a pernambucana Cristina Saltos veio de Recife com os dois filhos e o marido para passear na Capital e visitar a Bica. “Eu já conhecia e estou gostando muito da reforma”, declarou enquanto conhecia o Espaço dos Falciformes (aves de rapina).

Também de férias em João Pessoa, o cajazeirense Robervan Ferreira da Silva aproveitou para conhecer o Parque Zoobotânico Arruda Câmara e mostrar os animais para os filhos. “O espaço é muito bom e muito bem cuidado. Esse é um passeio que recomendo, principalmente, para quem tem criança”, afirmou.

Já o pequeno Pedro Vitor, 7 anos, estava encantando com os animais. Acompanhado do pai, Pedro Pereira de Olinda, o garoto mora na cidade de Manaíra, no Sertão do Estado, e pela primeira vez estava visitando o Parque Zoobotânico. “Estou gostando do jacaré, macaco e dos peixes”, revelou.

Animais – Com mais de 500 animais de 80 espécies diferentes distribuídas entre mamíferos, répteis e aves, os visitantes podem conhecer espaços com a casa de répteis (Serpentário) e a das aves de rapina (Falciformes), além de um recinto que permite caminhar entre as aves, e uma série de novas instalações para pequenos mamíferos, tudo resultado da reforma feita no Parque pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). “Temos o passeio de pedalinho, no lago, de quadriciclos, além de uma área remanescente de Mata Atlântica”, lembrou o diretor da Bica.

Uma novidade no Parque para as férias são os mais novos moradores do local, os macacos conhecidos como macacos-de-cheiro e macaco da noite.

Condutores – Para receber os visitantes que chegam ao Parque, guiando e orientando-os quanto à importância da questão ambiental durante o passeio, 12 jovens de 18 a 26 anos estão atuando como condutores ambientais. Eles foram selecionados através de um curso de capacitação realizado pela PMJP, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), em parceria com a Casa Pequeno Davi.

“Eles receberam formação, com uma grade específica, para atuar dentro da Bica com noções de zoologia, legislação ambiental, educação ambiental, história do Parque e da Paraíba, além de noções de Línguas Estrangeiras e Libras. A função deles é orientar os visitantes sobre as normas de funcionamento, considerando principalmente os cuidados com os animais, e acompanham quem vem ao Parque, nas trilhas, durante a visitação”, detalhou Edílson Batista de Lima.

Horários – A visitação ao Parque Zoobotânico Arruda Câmara pode ser feita todos os dias da semana, das 7h30 às 17h, no entanto, a bilheteria só funciona até às 16h30. Crianças com idade até os sete anos e idosos têm entrada gratuita e os demais visitantes pagam R$ 1,00 por pessoa.