Calçadas revitalizadas mudam cenário do Centro da Capital

Por - em 34

A revitalização das calçadas do Centro de João Pessoa está mudando o cenário da cidade. As obras foram iniciadas nas ruas Duque de Caxias, Barão de Abiay e no entorno do Centro Comercial do Varadouro. A restauração inclui os passeios públicos de 14 vias, somando 23 mil metros quadrados. O projeto integra a série de obras que o Governo Municipal realiza dentro do Plano de Ações Integradas (PAI). Somente para essa ação foram destinados R$ 3 milhões.

As calçadas do entorno do Centro de Comércio e Serviço do Varadouro (CCSV) estão sendo restauradas. A ação só foi possível após a relocação dos comerciantes que ocupavam as calçadas para os boxes do Centro de Comércio. O piso de todas essas calçadas serão substituídos e colocados bloco intertravado. De acordo com Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), a previsão é concluir os trabalhos na próxima semana.
Já na rua Duque de Caxias e na Barão do Abiai a continuidade dos serviços está dependendo de acertos finais nos projetos de execução. Como a tradicional Duque de Caxias se integrará ao Ponto de Cem Réis, a obra prevê a reurbanização da via, incluindo iluminação, bancos e um novo monumento a Duque de Caxias.

Na próxima semana, os serviços serão iniciados na Miguel Couto, Visconde de Pelotas, Treze de Maio e em ruas adjacentes. O secretário João Azevedo explica que embora o serviço seja de execução aparentemente simples, a recuperação das calçadas conta com imprevistos referentes a instalações elétricas nas calçadas, drenagem ou construção de calçadas irregulares. “Nós necessitamos contar com a compreensão de comerciantes e pedestres, já que os serviços são executados durante todo o dia e na sua execução poderemos contar com imprevistos”, avisa.

Ele lembra que em todas as calçadas reformadas serão construídas rampas de acesso para facilitar a locomoção de pessoas com necessidades especiais, atendendo a Norma Brasileira – ABNT NBR 9050/2004, além da implantação da sinalização táctil específica para o auxílio de pessoas portadoras de deficiência visual. A sinalização combina linguagem binária (alerta e direcional), que informa e direciona as pessoas em seus deslocamentos, formando trilhas com precisão e segurança, garantindo maior independência e segurança na caminhada.

A restauração das 14 calçadas deverá ser concluída até o final do primeiro semestre deste ano. Para esta primeira etapa foi destinado R$ 3 milhões, sendo R$ 2 milhões em recursos próprios e R$ 1 milhão fruto de um convênio com o Governo do Estado. Posteriormente serão liberados mais R$ 3,9 milhões.

O projeto de revitalização do Centro Histórico da Prefeitura de João Pessoa integra as obras da Lagoa do Parque Solon de Lucena, Ponto de Cem Réis, Padre Meira, Viaduto Damásio Franca e Centro Comercial de Serviço do Varadouro (CCSV), já entregues a população, e ainda as obras em execução do Pavilhão do Chá, Biblioteca Municipal e Conventinho.

Serão beneficiadas pelo projeto:
Duque de Caxias (entre as ruas Gabriel Malagrida e Peregrino de Carvalho); (em execução)
Barão do Abiaí; (em execução)
Entorno do Centro de Comércio e Serviço do Varadouro (CCSV); (em execução)
Treze de Maio (trecho entre as ruas Padre Meira e Miguel Couto);
Visconde de Pelotas (entre as ruas Arthur Aquiles Leal e Gabriel Malagrida);
Padre Azevedo (entre as ruas Maciel Pinheiro e Beaurepaire Rohan);
Miguel Couto (entre as ruas Visconde de Pelotas e Diogo Velho);
Maciel Pinheiro (entre a rua Padre Azevedo e a Praça Antenor Navarro);
Eliseu César;
Tenente Retumba;
Desembargador Feitosa Ventura;
Desembargador Souto Maior;
Aquiles Leal e
Silva Jardim, cuja obra vai contemplar toda a extensão da via.