Cantoria e forró abrem São João de João Pessoa nesta sexta

Por - em 35

A abertura do ‘São João de João Pessoa – O Melhor da Gente’ acontece nesta sexta-feira (11), a partir das 18h, no Ponto de Cem Réis. A programação da noite será dedicada à poesia nordestina e ao autêntico forró, com as presenças dos poetas Oliveira de Panelas, Daudeth Bandeira e Bira Delgado. Este ano, os festejos juninos da Capital fazem uma justa homenagem ao poeta Oliveira de Panelas e ao cantor e compositor Antônio Barros. O evento se estende até 29 de junho, com mais de cem apresentações na Praça Dom Adauto e no Ponto de Cem Réis. A promoção é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da sua Fundação Cultural (Funjope).

A primeira atração da noite é o poeta homenageado Oliveira de Panelas, que fará uma cantoria ao lado do seu parceiro de longas datas, Daudeth Bandeira. Juntos, eles declamarão poesias que remetem ao universo sertanejo, além dos improvisos e canções tão presentes nesta vertente cultural.

O respeitado poeta repentista Oliveira de Panelas é natural da cidade de Panelas, em Pernambuco. Ele iniciou sua trajetória artística aos 12 anos de idade, ao lado de Josué Rufino e João Vicente. Em 1976, passou a residir em João Pessoa. Nesta sua longa carreira, participou de mais de 200 congressos de cantoria, sendo classificado em todos eles.

O parceiro de Oliveira de panelas na abertura do São João é o cantador paraibano Daudeth Bandeira, bastante conhecido em todo o Nordeste. O artista declamou poesias com outros importantes cantadores e tem um disco gravado em parceria com o cantador Oliveira de Panelas. O disco, intitulado ‘Musique do Munde – Brazil Improvised Song’, chegou ao país com poucas cópias e teve as vendas esgotadas.

Daudeth Bandeira se apresentou em vários festivais de repentes. Uma de suas apresentações de maior destaque foi no Festival de Cantadores de Pombal, onde apresentou canções como ‘Nordestinação’, ‘Brasil Virgem’, ‘Homem na Ronda’ e ‘Sonho de Leandro’, esta última em homenagem ao poeta Leandro Gomes de Barros. Outras poesias conhecidas de autoria do cantador são ‘Ladeira de Tambaú’, ‘Provocação de Vizinho’, ‘Manicure’ e ‘Conversando com as Águas’.

Na Batida da Cancela – Outra atração da noite de abertura do São João de João Pessoa é o cantor Bira Delgado, que tem atuação na cena cultural da Capital. No show, que marca o lançamento do CD ‘Na Batida da Cancela’, o artista vai interpretar composições de nomes consagrados do xote e do baião, a exemplo de Maciel Melo, Zé Marcolino, Zé Dantas, Luiz Gonzaga, Xico Bizerra, Bráulio Medeiros, além de Bebé de Natércio e Chico de Pombal, que participaram do seu primeiro álbum.

O CD tem direção e produção do compositor e cantor Bebé de Natércio e apresentação do poeta, escritor e crítico literário Hildeberto Barbosa Filho. Como o próprio artista testemunha, o CD ‘Na Batida da Cancela’ “vem embalado por um testemunho sertanejo, marcado por expressões, labutas e cenas de um ambiente que se profusa lírico e dramático; uma cancela que insiste em ser ouvida em meio a um ruído ensurdecedor de conteúdos preconceituosos e de desconstrução cultural”.

Bira Delgado é natural do Moxotó, sertão de Pernambuco, mas há 35 anos mora em João Pessoa. Formado em História, é pesquisador do cangaço. Na área musical, participou do CD ‘Do Mato’, de Bebé de Natércio, e de outros importantes trabalhos, ao lado de nomes como Ariano Suassuna, Oliveira de Panelas, Dominguinhos, Clã Brasil, Daudeth Bandeira e Jessier Quirino.