Capital é 1ª do NE em atenção especializada de saúde bucal

Por - em 37

Desde 2006, com a implantação e reestruturação dos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO), o município de João Pessoa deu um salto qualitativo nos serviços de saúde bucal especializados. A cidade saiu de último (em 2005) para o primeiro lugar do Nordeste, em 2007, em cobertura de ações especializadas em saúde bucal.

De acordo com o Data SUS do Ministério da Saúde, João Pessoa realizou 120.296 procedimentos odontológicos especializados em 2007, numa média de 0,18 procedimentos por pessoa, o que representa 54% acima da média do Nordeste. O município também conquistou o segundo lugar, em 2007, em procedimentos odontológicos realizados na Atenção Básica. Enquanto em 2004 foram realizados 335.951 procedimentos, no ano passado foram 556.506, um crescimento de 61%.

Os investimentos feitos em Saúde Bucal de 2005 a 2008 na reforma e ampliação de CEO, compra de insumos e instrumentais e contratação de equipe de manutenção de equipamentos da rede, somaram R$ 2.347.454,54. Os resultados desses investimentos e na política de saúde bucal também são positivos em números de procedimentos básicos, de primeira consulta, índices de cáries e na redução de extrações.

Balanço – O coordenador de Saúde Bucal do Município, Edson Hilan, lembrou que em 2005 quando a atual gestão assumiu, o município encontrava-se “numa situação deplorável de abandono das equipes de saúde da família, como também dos consultórios odontológicos”.

Ele disse que 26 consultórios odontológicos permaneciam nos corredores da Secretaria de Saúde, 59 encontravam-se nas Unidades de Saúde sem estar instalados e cinco em estoque no almoxarifado. “Todos os consultórios odontológicos foram instalados e equipados, dando condições aos cirurgiões-dentistas para atender aos usuários de forma digna”, observou.

Edson Hilan ressaltou que os resultados obtidos pela gestão com a implantação da saúde bucal podem ser verificados pelo fato de que enquanto cresce o número de procedimentos realizados há a queda em 44% do número de extrações e a redução do índice de cáries em crianças e adultos.

Em João Pessoa existem três Centros de Especialidade Odontológica (CEO): um no Centro, outro em Mangabeira e um terceiro no Cristo Redentor. Nos anos de 2006 e 2007 foram realizados cerca de 130.000 atendimentos especializados e aproximadamente 14.000 considerados de urgência (Dados do Boletim de Produção Ambulatória – BPA).

Especialidades – O CEO do Centro oferece 21 consultórios odontológicos e dispõe também do serviço de Urgência Odontológica (24 horas) todos os dias da semana. São nove especialidades odontológicas: diagnóstico bucal, periodontia, odontopediatria, endodontia (tratamento de canal), cirurgia bucal, prótese dentária total e parcial temporária, radiologia bucal, restauração dental e atendimento a usuários com necessidades especiais. No ano de 2006, o CEO realizou 4.583 atendimentos; em 2007 foram 5.640 e em 2008 mais de 6 mil.

De acordo com o diretor do CEO do Centro pessoense, Danilson da Cruz, o serviço foi reconhecido pelo Ministério da Saúde como um dos cinco mais importantes do País pela quantidade de consultórios instalados, equipe de trabalhadores, número de especialidades e atendimentos ofertados à população usuária. Ele destacou que com a implantação do Laboratório Regional de Prótese Dentária (LRPD), o CEO passou a ser a primeira experiência de oferta de prótese dentária em serviço público no município.