Capital participa de campanha nacional contra exploração sexual

Por - em 31

João Pessoa está entre as cidades do Brasil escolhidas pelo Governo Federal para participar da Campanha Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes no Carnaval 2010. Lançada oficialmente para todo país na tarde desta segunda-feira (8) no Rio de Janeiro, a campanha foi iniciada antecipadamente na Capital paraibana na última sexta-feira (5) durante a saída dos blocos do Folia de Rua.

No primeiro final de semana da campanha, equipes da Secretaria de Turismo de João Pessoa (Setur) distribuíram cerca de 30 mil panfletos, abanadores, cartazes, adesivos, bandanas e fitas para amarrar no pulso para os foliões dos blocos que se divertiram nas avenidas da cidade. “Antecipamos a campanha porque o Folia de Rua começa uma semana antes do Carnaval oficial e temos o compromisso de coibir esse tipo de prática em João Pessoa e essa campanha tem esse objetivo”, ressalta o secretário de Turismo, Elzário Pereira Júnior.

A Capital paraibana foi inserida na 5ª edição da campanha, que é coordenada pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República por fazer parte do programa Turismo Sustentável e Infância (TSI), que promove ações de prevenção a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Este ano, a campanha está presente nas seguintes cidades: Rio de Janeiro, Salvador, Recife, Fortaleza, Manaus, Belém, São Paulo, Vitória, Corumbá, Porto Alegre, Brasília, Florianópolis, Porto Velho, Belo Horizonte e Campo Grande. Além de João Pessoa, os municípios de Limeira (SP), São Luís (MA) Campinas (SP), Olinda (PE), Ilhéus (BA), Macapá (AP) e os que compõem a Baixada Santista – Santos, São Vicente, Guarujá, Praia Grande, Mongaguá e Cubatão –, que recebem ações do TSI, também foram incluídos na ação.

A Campanha é uma das estratégias articuladas e executadas em parceria entre o Governo, a sociedade civil e organizações e organismos internacionais para o enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes e a garantia dos seus direitos – SEDH/PR. O objetivo é prevenir a violência sexual contra crianças e adolescentes e estimular as denúncias dos casos ao Disque Denúncia Nacional – Disque 100 ou no Conselho Tutelar mais próximo.

Com o slogan Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é Crime. denuncie! Procure o Conselho Tutelar de sua cidade ou Disque 100, a campanha de 2010 relaciona o enfrentamento da violência sexual com imagens típicas do Carnaval. Por isso, traz como marca um pierrô com uma lágrima escorrendo no rosto. A lágrima denota a dor e o sofrimento de meninas e meninos vítimas de violência sexual.