Centro de Referência realiza roda de diálogo com usuárias

Por - em 43

As usuárias do Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra, órgão vinculado a Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres (SPPM), da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), participaram nesta quarta-feira (15), da Roda de Diálogo sobre “Desafios e Conquistas das Mulheres, frente à violência doméstica”. A atividade fez parte da programação do aniversário do Centro e contou com a participação de representantes do movimento de mulheres.

A ação teve o objetivo de fortalecer o vínculo entre as usuárias e a sociedade civil organizada, reafirmando a efetivação do Centro na cidade e dialogando os avanços e desafios do serviço. O Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra comemora três anos de criação, e mais de 1.000 mulheres já passaram por algum tipo de atendimento desde a inauguração.

Para Anadilza Paiva, representante do Movimento de Mulheres, a criação do Centro de Referência da Mulher em João Pessoa, foi um marco histórico na vida da população, por ser um serviço primordial no enfrentamento à violência doméstica. “No Centro de Referência, as mulheres dispõem de espaços para o atendimento, com orientações e encaminhamentos, contando ainda com uma equipe com profissionais responsáveis. Isso é mais que uma conquista para as mulheres da cidade”, afirmou Anadilza Paiva.

Na atividade realizada nesta quarta-feira (15), as usuárias do Centro puderam trocar experiências, conhecer umas as outras e ainda agradecer a iniciativa da PMJP pela criação do serviço. “Depois que comecei a frequentar o Centro, passei a me sentir outra mulher. Hoje faço parte de programas sociais, participo das feiras de artesanatos e ainda faço acompanhamento com a psicóloga”, disse Adriana Barbosa, usuária do Centro de Referência há dois anos.

Na programação do aniversário do Centro de Referência da Mulher, ainda estão previstas ações de sensibilização dentro dos serviços da Prefeitura, debate, seminário e atividade cultural.