Cerca de mil alunos participam do início do Estação Criança

Por - em 25

Cerca de mil crianças participaram do primeiro dia do Estação Criança, evento comemorativo ao Dia da Criança realizado pela Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. As atividades tiveram início na manhã desta quinta-feira (7) e prosseguem até a próxima terça, 12 de outubro, com exposições de livros, oficinas, brincadeiras, apresentações musicais e teatrais.

A abertura oficial aconteceu às 9h, com a exposição “COMPilar – Desenhos”, da artista plástica espanhola Pilar Roca, no salão panorâmico, que fica no segundo pavimento da Torre Mirante. Estiveram presentes alunos e professores da Escola Municipal Aruanda (Bancários), Escola Municipal José Novaes (Bairro dos Novais), Escola Lions Tambaú (Água Fria), Escola Municipal Castro Alves (Funcionário I), Centro Educacional Colégio da Luz, do município de Guarabira, e Colégio Dimensão de Olinda (PE).

Pela manhã, cada escola trouxe cerca de 25 alunos com idades entre 5 e 10 anos. Os estudantes puderam assistir a palestra do professor Abel Cavalcante de Souza Filho sobre ‘A Evolução de Charles Darwin’ e participar das aulas expositivas do Laboratório de Astronomia, com o astrônomo Marcos Jerônimo.

Às 11h, no auditório, o Grupo Kairós apresentou o espetáculo “Como nosso mundo começou”, que conta a história de um garoto que desconhece completamente a origem da vida e a construção do mundo. Ao dar um cochilo enquanto estuda, ele sonha com um mágico palhaço que conta toda história da origem da espécie humana. Ao acordar, o menino relata para a mãe tudo que aprendeu no sonho.

A estudante Vitória Bruna Araújo de Sousa, 11 anos, da Escola Dom Helder Câmara, do bairro Valentina de Figueiredo, disse que já havia participado de outras atividades na Estação Cabo Branco, mas dessa vez estava mais encantada com as exposições. “Se a aula de história fosse aqui seria muito mais interessante”, comentou Vitória Bruna, que foi a vencedora no ano passado da melhor redação sobre o tema José Lins do Rego.

À tarde estiveram presentes alunos das Escolas Municipais Antônio Santos Coelho (Penha), Dom Hélder Câmara (Valentina), Virginius da Gama e Melo (Mangabeira I), Francisca Moura (Mandacaru) e Escola Comunitária Ebenézer (Jardim Veneza).

A professora de Língua Portuguesa e Literatura da Escola Dom Helder Câmara, Leonete Gomes Bezerra de Freitas, leciona há 18 anos e percebeu que as aulas ministradas fora da sala de aula têm sido bem assimiladas pelos alunos. “Comemora-se a semana da criança, eles se divertem e a aprendizagem se torna mais consistente”, acrescentou a professora.

Além de visitarem as exposições, o Museu da Ciência e o Laboratório de Astronomia, as crianças assistiram, no auditório da Estação Cabo Branco, a apresentação da Orquestra Infantil da Escola Municipal Zumbi dos Palmares e do grupo de teatro Agentes da Alegria, da Emlur.

O aluno do 6º ano da Escola Dom Helder Câmara, Davi Alves Torres, disse que era a primeira vez que ia à Estação Cabo Branco e que lá as tarefas da escola ficam muito mais fáceis. “A gente aprende brincando”, disse.

As atividades do Estação Criança prosseguem até o dia 12 de outubro com várias atrações e atividades culturais para a criançada.