Chico Cesar aceita convite e vai assumir presidência da Funjope

Por - em 29

O cantor e compositor paraibano Chico Cesar é o novo presidente da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope). Ele aceitou o convite feito pelo prefeito Ricardo Coutinho na noite desta quinta-feira (07). A posse no cargo está prevista para segunda-feira (11), as 15 horas, durante solenidade no Paço Municipal.

Francisco Cesar Gonçalves, seu nome de batismo, nasceu em Catolé do Rocha, em 1964. Apaixonado por música desde adolescência, muda-se para João Pessoa nos anos 80. Mas Chico Cesar estava em busca de vôos mais altos. Parte em direção a São Paulo. Apesar de ter a música no sangue, opta em trabalhar como jornalista. Ele explica o porquê dessa decisão momentânea: “ Em maio de 85 cá estava eu, em Sampa. Nordestino demais para tocar nos espaços modernetes da cidade e com uma música muito esquisita para tocar nas casas de forró. Continuei a trabalhar como jornalista. Fui revisor, copidesque, repórter e preparador de textos. Fazia pequenos shows em bares e teatros alternativos”, relata.

Durante uma viagem a Alemanha faz várias apresentações. No retorno ao Brasil, por volta de 1994, decidi finalmente dedicar-se à música. Começa a participar de festivais e junto de amigos, funda o ‘Cuscuz clã ‘. Ainda neste ano, ele grava o “Aos Vivos”, mas é somente em 1995 que a música ‘A primeira vista’ começa a tocar nas rádios.

Chico diz que foi a partir desse momento que estudantes começam a lotar os bares por onde ele tocava. O reconhecimento do talento do paraibano foi uma questão de tempo. Começa a fazer shows, tem composições gravadas por personalidades consagradas da MPB; viaja o mundo. Torna-se porta-voz do sotaque da paraibanidade.