Chico César e Pedro Osmar participam do ‘Pense Grande’

Por - em 29

Os músicos paraibanos Chico César e Pedro Osmar estarão nesta terça-feira (7), a partir das 16h, participando da conversa informal na exposição ‘Pense Grande’, do artista plástico W. J. Solha, que permanece na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, localizado na Avenida João Cirillo Silva, s/n, Altiplano Cabo Branco.

O ‘Projeto Pense Grande’ foi idealizado pelo artista plástico, ator, roteirista e escritor paulista W.J.Solha no final do ano de 1999, a partir de um fato ocorrido com o jogador de futebol Edmundo, quando o mesmo “insultou” o juiz de futebol e o chamou de “paraíba”. De acordo com Solha, radicado em João Pessoa há vários anos, o paraibano deveria conhecer e valorizar os homens e as mulheres de destaque do Estado a fim de levantar a auto-estima. “Poucos Estados brasileiros contam com tantas expressões importantes, em todas as áreas com aqui”, enfatizou Solha.

A exposição, composta por 68 telas, consiste em uma parceira entre um jornal local com apoio da Biblioteca Central, Coordenação de Extensão Cultural e Pró-Reitoria para Assuntos Comunitários da Universidade Federal da Paraíba (BC/COEX/PRAC/UFPB) com o Projeto Arte na Escola.

As obras de arte de Solha são conhecidas nacional e internacionalmente. No período de 2000 a julho de 2001, um jornal local, veiculou, a cada semana, na capa do caderno de cultura, a reprodução do retrato de um paraibano ilustre.

As telas possuem tamanhos variados e foram confeccionadas em acrílica sobre tela. O slogan da mostra exposição é “Pense grande como o paraibano Augusto dos Anjos”. No local o visitante poderá observar telas com personagens importantes das artes paraibana, a exemplo de Augusto dos Anjos, Antônio Dias, Walter Carvalho, Paulo Pontes e outros.

Orgulho – De acordo com o Marcos Vilar, um dos coordenadores da mostra, o projeto nasceu para ser itinerante e já passou por vários locais. “A intenção é fazer com que ela circule no maior número possível de lugares e um maior número de pessoas conheçam e sintam orgulho de serem paraibanas”, disse.

A cada parada, o projeto ‘Pense Grande’ convida uma personalidade ilustre da cidade para falar sobre artes plásticas, cultura e sociedade. “É importante que fique claro que é apenas um bate-papo informal com os artistas e que eles não vão fazer nenhuma apresentação”, esclareceu Marcos Vilar.

Chico César e Pedro Osmar fazem parte de uma importante geração de músicos locais. Chico César, atual diretor executivo da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), fez parte do coletivo musical Jaguaribe Carne, que tem a frente os músicos Pedro Osmar e Paulo Ró. Grupo que surgiu no ano de 1974 para estudar, praticar, experimentar, fazer intercâmbio e trocar ideias com artistas do Estado. Em pouco tempo, o Jaguaribe Carne se estendeu para a região Nordeste e para o circuito musical do Rio de Janeiro e São Paulo.