Chico César mistura frevo e forró no desfile do ‘Muriçocas’

Por - em 31

O cantor e compositor Chico César excursiona em 2008 com a turnê ‘Francisco, Forró e Frevo’, que se aprofunda na cultura popular nordestina por meio desses dois ritmos tão presentes nas comemorações carnavalescas e festas juninas.

O novo espetáculo faz uma prévia do seu próximo CD que será pré-lançado durante o desfile do bloco ‘Muriçocas do Miramar’. Além de canções que consagraram o artista, como ‘Mama África’ e ‘Orangotango’, o novo show traz canções inéditas e uma releitura da famosa ‘Marcha da Cueca’, do paraibano Livardo Alves (‘Eu mato, eu mato quem roubou minha cueca pra fazer pano de prato’…).

Apesar dos ritmos de forró e frevo serem os protagonistas do espetáculo, eles dialogam com outros, como o xote com o reggae, o frevo e o arrasta pé com o ska. Tudo isso regido por metais (trompete / trombone / sax-tenor / sax-alto), percussão e baixo elétrico.

Em recente apresentação na Capital, Chico César fez uma breve demonstração de como pretende animar os milhares de foliões que saem atrás dos trios elétricos das Muriçocas. Com novos arranjos, ele vai entoar até os versos de Geraldo Vandré, na canção ‘Porta Estandarte’ (‘E que eu vivo pra esperar / Na avenida girando, estandarte na mão / Pra anunciar’…).

Concentração – Cerca de 400 mil pessoas são esperadas para o desfile das ‘Muriçocas’, na ‘Quarta-feira de Fogo’ (30 de janeiro). A concentração do bloco está marcada para as 19h, na Praça das Muriçocas, em Miramar.