Cidades Criativas e AnimaCentro promovem oficina gratuita de introdução à gravura

Por Adriana Crisanto - em 381

O programa João Pessoa Cidade Criativa da Unesco e o projeto AnimaCentro abriram inscrições para a oficina criativa de Introdução à Gravura, que tem como tema “Iconografia do Centro Histórico de João Pessoa”. Estão sendo oferecidas 20 vagas, sendo 10 para cada turma.

Para se inscrever é necessário ter idade mínima de 16 anos e preencher a ficha no Google Doc https://bit.ly/2Gm30me com seus dados pessoais, aguardar o email de confirmação com o número de inscrição.

A primeira turma de inscritos da oficina acontecerá nos dias 29 e 30 de julho. A segunda turma de 31 de julho e 1 de agosto de 2019. Nos horários de 9h às 12h30 (manhã) e 14h às 17h30 (tarde). A carga horária total é de 14h. A oficina de gravura será ministrada no Hotel Globo, localizado no Largo de São Frei Pedro Bento Gonçalves, na praça São Pedro Gonçalves, no 7, no Varadouro.

Ministrante – Túlio Braga de Paracampos é arquiteto, designer, artista plástico, gravurista e ceramista cearense, um dos expoentes da nova geração de gravuristas do Nordeste.

Cidade Criativas – É um programa das Cidades Brasileiras que fazem parte da Rede das Cidades Criativas da Unesco. Atualmente, oito cidades brasileiras integram a rede: Belém, Florianópolis e Paraty (cidades criativas no segmento gastronômico); Brasília e Curitiba (design); João Pessoa (artesanato); Salvador (música) e Santos (Cinema), sendo João Pessoa a única no segmento de artesanato e cultura popular. As cidades da rede trabalham em busca de dois objetivos comuns: colocar as indústrias criativas e culturais no centro dos planos de desenvolvimento locais e cooperar ativamente por meio de parcerias entre cidades em nível internacional.

AnimaCentro – O projeto é uma realização da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da sua Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope). Foi lançado em 2017 e oferece programação gratuita, aberta ao público de todas as idades, com espetáculos de dança, teatro, música e exposições em vários pontos do Centro. O objetivo da iniciativa é valorizar os espaços históricos revitalizados pela atual gestão.