Circuito das Praças leva música, dança e teatro para os bairros

Por - em 35

O Circuito Cultural das Praças prossegue com sua programação semanal, nesta sexta-feira (12) e sábado (13), com música, dança, teatro e cultural popular, em diferentes espaços públicos da cidade. O evento é uma promoção da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da sua Fundação Cultural (Funjope).

Nesta sexta-feira (12), às 20h, a Praça da Amizade, no bairro do Rangel, recebe o espetáculo ‘No dia em que Judas foi traído’, do Grupo de teatro Aberto (Gruta), numa adaptação do texto ‘Finados’, do dramaturgo paraibano Sal lo Queiroz. A história acontece numa cidade do interior nordestino, num dia de finados. Em pleno cemitério uma viúva visita o túmulo do marido, acompanhada dos seus dois filhos. A família é simples e depende de renda das vendas de gêneros alimentícios para sua sobrevivência e o espaço para isso é o cemitério.

Também às 20h, na Praça do Coqueiral, em Mangabeira, será apresentado o espetáculo ‘Zé Lins – o pássaro poeta’, com direção e adaptação de Valesca Picado, música ao vivo e direção musical do maestro Carlos Anísio. O espetáculo é baseado no livro ‘O menino que virou escritor’, de Ana Maria Machado e remete à infância de José Lins do
Rego, retratando fatos que o transformaram no maior escritor regionalista brasileiro. O elenco é formado por David Muniz, Nana Viana, Valesca Picado e Carlos Anísio. O espetáculo foi selecionado recentemente para o Festival Ibero-Americano de Teatro Infantil, que acontece na próxima semana, na cidade de Santo Domingo, na República Dominicana,

Na Praça da Paz, nos Bancários, a Companhia de teatro ‘Argonautas’ apresenta o espetáculo ‘Libertinagem-vida e obra de Manuel Bandeira’, uma adaptação de Tony Silva que retrata alguns poemas de Manuel presentes no livro Libertinagem. Segundo o pesquisador e adaptador, o critério de seleção foi a importância da poesia dentro do conjunto da obra. No espetáculo serão representados trechos da vida do autor que facilitam o entendimento da evolução de seu projeto artístico.

A Ciranda dos Tupinambás, comandada pelo Mestre Carboreto, é a atração da Praça João Balula, no Conjunto Cidade Verde, também no mesmo horário. O grupo foi fundado no ano de 1936, data em que também surgiu a tribo indígena de mesmo nome, que após os ensaios formavam uma Ciranda e Coco de roda para preencher o restante da noite. A Ciranda, juntamente com o coco de roda, é uma das expressões culturais mais antigas do Nordeste.

No Centro Historio, a partir das 22h, a Praça Antenor Navarro será animada pelo projeto ‘Pifercussão’, que foi criado em 2008, com o objetivo de formar um grupo musical que pudesse se apresentar levando a bandeira da cultura dos pífanos nordestinos. A partir desse ponto de partida deu-se a busca de incentivar a junção entre os professores com as crianças e adolescentes do projeto, construindo perspectivas sócio-culturais na comunidade do bairro São José.

‘Som das 6 no Circuito’ – Nesta sexta-feira (12), a Praça Vidal de Negreiros, popularmente conhecida como Ponto de Cem Reis, recebe a partir das 18h, dentro do projeto ‘Som das 6’, o Festival de Novos Talentos ‘Life Music Festival’.

‘Sobremesa no Circuito’ – No sábado (13), ao meio dia, a Praça Rio Branco, localizada no Centro da Capital, recebe mais uma vez o grupo de chorinho ‘Oitavas no Choro’. A partir das 17h, a Feirinha de Tambaú ganha o charme e o improviso popular dos repen-
tistas Daudete Bandeira e Antonio Costa. Já a cantora Amanda Cunha e o violonista Chagas Fernandes são atrações do Projeto Som da Tarde, que acontece no anfiteatro da Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Artes, localizada Altiplano Cabo Branco.

O Projeto Som da Tarde agora integra o Circuito Cultural das Praças. No mesmo dia, a partir das 20h, o teatro se faz presente na Praça Alcides Carneiro, em Manaíra, com o espetáculo ‘O Menino Contador de Histórias’. No Bessa, na Praça do Caju, será encenada o ‘Cavalo Marinho Infantil’ do Mestre João do Boi, do bairro dos Novais. No mesmo horário, a ‘Nação Maracahyba’ apresenta o seu batuque na Praça Padre Zé, em Mandacaru. Já a Praça Augusto Crispim, do Bairro dos Ipês, recebe a banda ‘Meio Free’ enquanto a Banda Bárbara agita a Praça do Skate, em Manaíra.

Simultaneamente, o Rock da banda ‘No Skill’ é a atração da Praça da Mangueira, no Alto do Mateus, e Mestre Brown mostra a sua versatilidade na Praça Lauro Wanderley, no Funcionários I. A Praça Bela, do Funcionários II, será animada com o Grupo Jacoca. Já a Praça da Esperança, localizada no Residencial Gervásio Maia, recebe os dobrados e maxixes da Banda 05 de Agosto, sob a batuta do maestro Adelson Machado, enquanto a Banda Andada anima a Praça Soares Madruga, no Valentina. A Praça Aquiles Leal, em Jaguaribe, recebe Frank e Nazar, e a Praça da Cultura, no Castelo Branco, apresenta o cantor Alexandre França.