Com a participação de dez músicos internacionais, Igrejas do Carmo e de São Francisco se despedem do Festival de Música Clássica

Por Max Oliveira - em 295

A última noite dos concertos do 7° Festival Internacional de Música Clássica de João Pessoa será nesta sexta-feira (29), na Igreja do Carmo, às 18h, e de São Francisco, às 20h. Nada menos do que dez músicos de nacionalidades diferentes estarão reunidos nas apresentações. O evento organizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da sua Fundação Cultural (Funjope), será encerrado no sábado (30), às 17h, no Parque da Lagoa.

Durante uma semana, os músicos se revezaram entre as duas igrejas, que foram transformadas em salas de concertos gratuitos, para performances acompanhadas de um público cativo. Nesta sexta-feira (29), a Igreja do Carmo recebe Wolfgang Schroder, da Alemanha, no violino, Mariska Godwaldt, da Holanda, também no violino, além de Julia Dinerchtein, da Bielorrússia, na viola, e o búlgaro Stanimir Todorov no violoncelo.

Já na Igreja de São Francisco, o concerto terá Elisabeth Perry, da Inglaterra, no violino, Skaiste Diksaityte, da Lituânia, violino, Mikhail Zemtsov, da Rússia, na viola, Eduardo Vassalo, da Argentina, no violoncelo, Yannick Rafalimanana, da França, no piano, e o espanhol Pablo Gimenez, no violão. No programa, os músicos irão interpretar, entre outras composições, canções de Heitor Villa-Lobos, Paganini e Dvorak.

Na noite desta quinta-feira (28), na Igreja do Carmo, o concerto teve o argentino Eduardo Vassalo, no violoncelo, as violinistas Mariska Godwaldt, da Holanda, e Sakaiste Diksaityte, da Lituânia, além do virtuoso violonista espanhol, Pablo Gimenez. As canções do estilo flamenco, bem arranjadas pelo quarteto de cordas, arrancaram aplausos efusivos do público. Acostumado com festivais em diversas partes do mundo, Eduardo Vassalo elogiou o público pessoense e organização do evento da Capital.

“Uma honra estar aqui. A primeira vez que eu venho e fiquei muito impactado positivamente com a cidade, as praias e as pessoas. Está sendo uma experiência incrível tocar com outros músicos, receber o carinho das pessoas, me encanta ver todos os concertos lotados. Na Europa, hoje em dia, não é sempre que se tem salas cheias, e aqui está sendo fantástico”, disse o músico argentino, que atualmente mora na Inglaterra.

Como aconteceu em todas as noites, a Igreja de São Francisco recebeu o concerto final da noite, que teve o violonista alemão Wolfgang Schroeder Julia Dinerchtein, da Bielorrússia, na viola, Stanimir Todorov, da Bulgária, no violoncelo, e Yannick Rafalimanana, da França, no piano.

Festival muda rotina no Centro Histórico – Lugar de intensa movimentação, o Centro da Capital é ponto de passagem de milhares de pessoas diariamente, mas dificilmente um ponto de parada, ainda mais à noite. O Festival está mostrando uma rotina diferente. A aposentada Djalir Alves de Andrade disse que se programa para assistir aos concertos, saindo de casa diretamente para as igrejas.

“Eu sou espectadora desde as outras edições. Adoro música clássica e, aqui, podendo assistir ao vivo, com a acústica das igrejas, a qualidade dos músicos, se torna uma experiência maravilhosa. Tanto eu, quanto as outras pessoas, que ficam em silêncio para assistir tudo, aproveitar cada momento”, afirmou.

A professora Maria de Fátima, que estava acompanhada de amigos, também destacou a importância do Festival para a cultura de João Pessoa, de se colocar como uma excelente opção para ocupação do Centro Histórico. “Muito bom, eu venho sempre. Se tivesse mais vezes ao longo do ano seria ainda melhor, mas é realmente um evento maravilhoso. Um programa que vale a pena a gente sair de casa para assistir”, disse.

Festival – O Festival Internacional de Música Clássica de João Pessoa conta com 22 apresentações (concertos e recitais), 12 masterclasses e mais de 30 atrações. O evento, um dos mais destacados do gênero erudito no Brasil, e que em sua sétima edição homenageia a Bossa Nova, está sendo realizado até o dia 30 de novembro. Para conferir mais notícias, toda programação de concertos, locais, além do perfil dos músicos é só acessar o site oficial do evento: musicaclassica.joaopessoa.pb.gov.br.