Começam aulas do programa Juventude Cidadã em João Pessoa

Por - em 46

A maior parte dos cursos do programa ProJovem Trabalhador – Juventude Cidadã da Prefeitura de João Pessoa deu início às aulas na última segunda-feira (9). Quatro instituições, entretanto, vão começar seus cursos na próxima segunda (16). Seis mil jovens com idade entre 18 e 29 anos participam dos 19 cursos oferecidos pelo Juventude Cidadã de João Pessoa em 2010. Para ministrar as aulas, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável da Produção (Sedesp) firmou parceria com 11 instituições. Dessas, seis deram início às aulas esta semana.

Por problemas técnicos, elas precisaram adiar os trabalhos em uma semana, mas não haverá prejuízo para os alunos, porque as horas-aulas que faltam serão respostas em horários alternativos (aos sábados ou ao final da qualificação social).

As outras cinco que vão iniciar os trabalhos na próxima segunda são o Instituto Nacional de Desenvolvimento Tecnológico e de Pesquisa (Indetep), Serviço Nacional de Aprendizado do Transporte (Senat), Serviço Nacional de Aprendizado Industrial (Senai), Alquimia Negócios Sociais Sustentáveis e Associação de Promoção do Desenvolvimento Local (APDL).

De acordo com a coordenadora geral do Juventude Cidadã em João Pessoa, Ludmila Carvalho, os cursos terão duração de 24 semanas. “Serão 100 horas de qualificação social, com aulas de ética, informática, português e outras, e mais 250 horas de qualificação profissional propriamente dita, focada nas áreas dos cursos”.

Durante as aulas de qualificação profissional, começa a fase de inserção no mercado de trabalho. A meta do convênio é incluir 1,8 mil dos 6 mil jovens qualificados. “Mas isso não é um número fechado. Nós estamos trabalhando para colocar de 50% a 60% no mercado”, afirma Ludmila.

Confira abaixo os cursos das instituições que iniciarão as aulas na próxima segunda-feira:

Senai – Gráfica e Vestuário

Indetep – Vestuário, Saúde e Turismo e Hospitalidade

Senat – Transporte

Alquimia – Agroextrativismo, Turismo e Hospitalidade, Meio Ambiente e Alimentação

APDL – Madeira e Imóveis, Construção e Reparos I