Conferência Regional reúne 500 participantes de quatro cidades

Por - em 21

Tem início nesta quinta-feira (25), a III Conferência Regional de Políticas para as Mulheres da Grande João Pessoa. A abertura do evento acontece às 18h, no auditório do Serviço Social da Indústria (SESI), no Centro da Capital. A solenidade contará com a presença do prefeito Luciano Agra.

O evento está sendo coordenado pela Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres de João Pessoa e pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. “Esse será um momento de construção, onde governo e sociedade civil se juntam para avaliar e construir propostas concretas para o avanço da cidadania das mulheres”, ressaltou a Secretária de Políticas para as Mulheres de João Pessoa, Nézia Gomes.

O encontro deve reunir cerca de 500 mulheres dos municípios de João Pessoa, Conde, Cabedelo e Santa Rita. A solenidade de abertura contará com a presença da representante da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, Elizabeth Saar; do Centro Feminista de Estudos e Assessorias (CEFEMEA/DF), Guacira César; além de representantes do Governo do Estado, da Câmara de Vereadores e dos movimentos sociais e de mulheres.

A III Conferência Regional de Políticas para as Mulheres irá abordar temáticas ligadas à autonomia econômica e participação das mulheres nos espaços de poder, educação, saúde, violência e meio ambiente. As discussões acontecem na sexta-feira (26) e sábado (27), a partir das 8h, no Cine Bangüê da Fundação Espaço Cultural, em Tambauzinho.

Confira a Programação da Conferência:

Quinta-feira (25) – Auditório do SESI

16:00  Credenciamento

18:30  Mesa de abertura

20:00  Encerramento

Sexta-feira (26) – Espaço Cultural

8h – Mística

8:15  Leitura e Aprovação do Regulamento

9:00 Mesa de Análise de Conjuntura: “O Projeto de Desenvolvimento Nacional e as Políticas Públicas para as Mulheres”

12:00  Almoço

14:00 Mesa Temática: “Panorama das Políticas Públicas para as Mulheres na Região”

15:00 Grupos de Trabalhos

GT 1 – autonomia econômica e igualdade no mundo do trabalho, com inclusão social;

GT 2 – educação inclusiva, não sexista, não racista, não homofóbica e não lesbofóbica;

GT 3 – saúde das mulheres, direitos sexuais e direitos reprodutivos;

GT 4 – enfrentamento a todas as formas de violência contra a mulher;

GT 5 – participação das mulheres nos espaços de poder;

GT 6 – desenvolvimento sustentável no meio rural, na cidade e na floresta, com garantia de justiça ambiental, soberania e segurança alimentar;

Sábado (27)

8:30 Mesa para Apresentação das Propostas/Validação

10:00 Mesa para Eleição das Delegadas

12:00 Encaminhamentos

13:00 Encerramento