Conselho Municipal dos Direitos da Mulher elege nova mesa diretora

Por - em 29

Foi realizada na manhã desta sexta-feira (1º), a eleição da nova direção do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM). A eleita para o cargo de presidente foi Rosângela Sousa da Silva, representante do governo e a vice-presidente Geysianne Felipe, que representa a sociedade civil.

A votação aconteceu durante reunião na sede da Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPM), no Paço Municipal. A atual composição do Conselho foi eleita para o biênio 2011/2012. Na ocasião, também foi definida a secretária executiva do órgão, que será Rosiane Cruz, representante da Secretaria de Desenvolvimento Social da Produção (Sedesp). A votação aconteceu entre nove conselheiras.

Perfil – Rosângela Sousa da Silva é titular e representante da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, e Geysianne Felipe representa a sociedade civil, através do Afya – Centro Holístico da Mulher.

Composição – Representam o Governo Municipal as secretarias de Educação, Saúde, Desenvolvimento Social, Transparência Pública, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Sustentável da Produção e de Políticas Públicas para as Mulheres.

Já as representantes da sociedade civil são das seguintes entidades: União Brasileira de Mulheres, Cunhã – Coletivo Feminista, Bamidelê – Organização de Mulheres Negras da Paraíba, Centro da Mulher 8 de Março, Afya – Centro Holístico da Mulher e o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Paraíba.

CMDM – O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher foi criado em 31 de outubro de 1997, através da Lei 8.305. O órgão tem a finalidade de promover, em âmbito municipal, políticas que visem eliminar toda e qualquer forma de discriminação contra a mulher, assegurando condições de liberdade e de igualdade de direitos, bem como sua plena participação política, econômica e cultural do município.

Atualmente o Conselho está instalado no anexo do Paço Municipal, situado a Praça Pedro Américo, 70 – Centro.

Outras informações sobre o processo eleitoral podem ser obtidas diretamente na sede da Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres, ou através do telefone 3218-5628.