Construção civil é a área que mais gera emprego na Capital

Por - em 41

O mercado de trabalho de João Pessoa abriu 814 novas vagas em agosto, elevando em 0,56% o número de profissionais com carteira de trabalho assinada na Capital. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quarta-feira (14) pelo Ministério do Trabalho, no mês passado foram registradas 6.066 contratações contra 5.252 demissões.

A construção civil foi o setor que mais gerou postos de trabalho. No total foram 630 em agosto – resultado de 1.888 admissões e de 1.258 desligamentos –, o que elevou em 3,44% o estoque de trabalhadores com carteira assinada em João Pessoa. Em segundo lugar aparece o setor de serviços (165 vagas, com 2.072 contratações e 1.907 demissões) e, em terceiro, o comércio (149 vagas, com 1.490 contratações e 1.341 demissões).

Considerando os oito meses deste ano, o número de novos postos em João Pessoa ficou em 4.849. Segundo o Caged, as admissões no período somaram 44.755 e os desligamentos, 39.906. De janeiro a agosto, a construção civil também foi o setor que mais abriu vagas: 3.257 no total, resultado de 13.861 contratações e de 10.604 demissões. Em seguida ficaram mais uma vez serviços (1.635 vagas, com 15.307 admissões e 13.672 desligamentos) e comércio (814 vagas, com 11.118 admissões e 10.304 desligamentos).