Decoração natalina da Emlur e CAM usa material reciclado

Por - em 51

O Centro Administrativo Municipal (CAM) e a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) estão recebendo uma decoração de Natal toda elaborada a partir de material reaproveitado. As peças, feitas de papelão, jornal, metal, CDs velhos, garrafas pet e lacres de latas de refrigerantes foram confeccionadas pelos artistas plásticos e artesãos da Oficina de Artes da Emlur. Elas garantirão o clima natalino e ainda vão chamar a atenção para a necessidade de promover o reaproveitamento de materiais como forma de preservar o meio ambiente.

A criatividade e a consciência ecológica marcaram a elaboração das peças que enfeitarão o CAM. A árvore de Natal, com aproximadamente dois metros, teve como base ferro reaproveitado, coberto por uma tela verde. A peça foi enfeitada com bolas diferentes, feitas de CDs preenchidos na parte interna com papel entrançado, além de laços de jornal.

Dois anjos, de jornal e metal, que carregam nas mãos sinos dourados feitos da parte superior de uma garrafa de refrigerante (pet), abrilhantarão ainda mais a decoração do CAM. Cada peça mede 1,5 metros.

Na Emlur – Já o hall da sede da Emlur ganhou bolas de Natal gigantes de copos descartáveis pintados. Guirlandas feitas de jornal, usando a técnica da papetaria, enfeitarão vários pontos da Autarquia. Grandes estrelas de papelão também foram usadas na decoração natalina. A recepção da Emlur ainda recebeu um anjo feito do lacre das latinhas de refrigerante. No pátio foram colocados anjos de jornal, que conferem ainda mais brilho à decoração natalina.

A superintendente da Emlur, Laura Farias Gualberto, disse que tanto a decoração do CAM como da Autarquia foi feita para chamar a atenção da população quanto à necessidade de se preservar o meio ambiente. “Nós queremos mostrar que a partir do reaproveitamento de materiais, que geralmente as pessoas não dão muita importância e acabam jogando no lixo, é possível fazer várias coisas, como, por exemplo, uma decoração natalina inteira”, comentou.

O coordenador da Oficina de Artes da Emlur, Roberto de Carvalho, contou que todos os anos os artistas plásticos e artesãos procuram inovar na decoração natalina da autarquia e do CAM. Para este Natal, a novidade foi usar CDs ocupando o lugar das tradicionais bolas na decoração da árvore.