Defesa Civil monitora áreas atingidas e registra deslizamento de barreira

Por - em 33

A Coordenadoria Municipal da Defesa Civil (Comdec) está monitorando as áreas atingidas pelas fortes chuvas que caíram no período entre a noite dessa quarta-feira (27) e a manhã desta quinta (28), em João Pessoa. O órgão registrou ocorrência de deslizamento de barreira na BR-230 na altura do Castelo Branco, além das comunidades São Rafael, localizada no mesmo bairro, e Timbó, nos Bancários. Foram registrados, ainda, pontos de alagamentos em algumas comunidades ribeirinhas. Segundo a Agência Executiva de Gestão de Águas do Estado da Paraíba (Aesa), nesta quinta-feira foi registrada a maior precipitação de chuvas do mês.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Noé Estrela, desde a madrugada as equipes estão trabalhando na intervenção dos transtornos nas localidades prejudicadas pelas chuvas. Também participam das ações a Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), além das secretarias de Infraestrutura (Seinfra) e Desenvolvimento Social (Sedes).

Segundo a Defesa Civil, famílias da comunidade São Rafael deverão ser removidas para um abrigo provisório na Escola Estadual Raul Córdula, no bairro da Torre, mas algumas estão resistindo em deixar suas casas. “É importante salientar que as remoções são realizadas porque as moradias oferecem riscos para as pessoas que lá se encontram”, disse Noé.

Já na comunidade do Timbó, as famílias que estão em moradias de risco serão removidas para abrigo na Igreja Menino Jesus de Praga, nos Bancários. Nos abrigos, as famílias recebem assistência da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), como auxílio de alimentação, colchões e cobertores.

As equipes continuarão no trabalho de monitoramento durante todo o dia, para minimizar os danos causados pelas chuvas. Em caso de emergência, a população pode acionar a Defesa Civil pelo número 0800-285-9020, disponível 24 horas todos os dias da semana. A chamada é gratuita.

Previsão da Aesa – Segundo a Agência Executiva de Gestão de Águas do Estado da Paraíba (Aesa), foram registrados 151,6 mm de chuva em apenas 24 horas (das 9h de quarta até as 9h desta quinta), maior precipitação registrada durante o mês de junho em João Pessoa. Ainda conforme a Aesa, este mês já choveu 532,3 mm, o que corresponde a 76,4% a mais do que a média histórica para junho.

De acordo com Marle Bandeira, meteorologista da Aesa, nas próximas 24 horas as chuvas devem continuar intercaladas com períodos de estiagem, devendo chover mais durante a noite e a madrugada.