Delegados da 14ª Região são eleitos em assembleia no Castelo Branco

Por - em 83

Cerca de 200 pessoas participaram na noite desta terça-feira (24) da 10ª Assembleia Regional do Orçamento Democrático, que foi realizada na Escola Estadual Braz Baracuhy, no Castelo Branco. As Assembleias Populares Regionais compõem a segunda etapa do ciclo do Orçamento Democrático e são o momento para eleição dos delegados regionais.

Desta vez, foi a 14º região que elegeu seus representantes, que vão atuar na defesa dos bairros do Castelo Branco I, II e III, Bancários, Anatólia, Jardim São Paulo, Jardim Cidade Universitária, São Rafael, Santa Clara, Timbó, Eucalipto, Comunidade Paulo Miranda, Santa Bárbara e Colibris.

Foram eleitos, para um mandato de dois anos, 27 delegados, sendo 17 titulares e 10 suplentes. Entre suas funções, está o acompanhamento das votações das leis orçamentárias na Câmara de Vereadores e a fiscalização das ações da Prefeitura de João Pessoa. “Exercitar a cidadania não é só ir votar de quatro em quatro anos, mas sim contribuir diariamente para se conseguir melhorias para todos”, afirmou o coordenador do Orçamento Democrático, Tibério Limeira, parabenizando a participação dos moradores da 14º região pela mobilização na Assembleia.

Para ser delegado do Orçamento Democrático é preciso ter mais de 16 anos, ser morador da região onde é candidato, não ter vínculo empregatício com a Prefeitura nem detentor de mandato no Legislativo. O trabalho é voluntário.

“A atuação do delegado regional contribui para a efetivação da política de transparência pública, pois o governo presta contas de suas ações e de que forma o dinheiro público é investido”, ressaltou Tibério Limeira.

 

As próximas Assembleias Regionais serão nesta quinta-feira (26), no ginásio do Prosind, em Mangabeira (3º região); na segunda-feira, dia 30, na Escola Américo Falcão, no Cristo (7º região), e na terça, 31, na Escola Municipal Castro Alves nos Funcionários I (8º região). Após esta etapa, os delegados eleitos vão participar da Assembleia Geral de Delegados, onde serão eleitos os novos conselheiros do Orçamento Democrático.