Dia da Prostituta é comemorado na Capital com várias atrações

Por - em 31

Uma série de atividades marca nesta quarta-feira (02) as comemorações pelo Dia Internacional da Prostituta na Capital. A programação, que acontece na rua da Areia, no Centro, inclui atrações musicais, mostra de arte, cinema e a 4ª edição da Corrida da Calcinha. O evento é uma realização da Agência Ensaio de Fotojornalismo e Documentação e da Associação das Profissionais do Sexo (Apros/PB) e tem a parceria da Prefeitura de João Pessoa (PMJP).

As homenagens às profissionais do sexo começam às 17h, com a audiência pública do Orçamento Democrático e Ouvidoria Municipal. Um trecho da rua da Areia vai ser interditado para a realização das atividades. Após a audiência pública, ocorre o arrastão do 1º Encontro dos Ursos na Encruzilhada, que terá a participação das comunidades do Rangel, Roger, Cristo, Mandacaru e Porto do Capim. Às19h terá início a 4ª Corrida da Calcinha, cujas inscrições são gratuitas. Haverá entrega de prêmios e troféus.

A presidente da Associação das Profissionais do Sexo (APROS), Luza Maria, disse que para participar da Corrida da Calcinha basta que o candidato ou candidata se inscreva no local e leve uma calcinha para correr com a mesma na cabeça. “O primeiro lugar vai ganhar um bode, o segundo três galinhas e o terceiro duas cordas de caranguejos”, afirmou Luza Maria.

A corrida sai da rua da Areia, seguindo pela Praça Antenor Navarro, passando pela rua Padre Antenor Pereira (Praça da Sosic), Ladeira de São Francisco, avenida General Osório e rua Peregrino de Carvalho (18 andares). A chegada é também na rua da Areia.

Para Ricardo Peixoto, da Agencia Ensaio, este evento vem historicamente mostrar a sua utilidade pública, com resultados concretos de combate à discriminação contra as profissionais do sexo. “É um evento que questiona e provoca debates através da arte. O maior objetivo destas atividades é a tentativa de erradicar de vez com a questão do preconceito. Mulheres são iguais em qualquer profissão”, afirmou Ricardo Peixoto.

A programação do Dia Internacional da Prostituta contará ainda com exibição de cinema de rua e música do Projeto Glória Vasconcelos, ambos promovidos pelo Serviço Social do Comércio (SESC), além de mutirão de grafitagem, apresentação de quadrilhas juninas e tenda com serviços de saúde da Prefeitura. A mostra ‘Tempo Corretivo – coletivo de arte’, dos artistas plásticos Tonho Ceará, Mestre Júlio e Luiz Santos também faz parte da programação. A Empresa Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) estará presente com o Projeto Catadores da Arte, apresentando o teatro ‘Agentes de Alegria’, o grupo musical Batecumlata e coral.