Duofel e grupo Chorisso abrem Mimo neste sábado na Capital

Por - em 17

A dupla de instrumentistas Duofel e o chorinho com sotaque nordestino do grupo Chorisso vão dar o tom ao primeiro dia da Mostra Internacional de Música em Olinda (Mimo) na Capital paraibana. A apresentação será neste sábado (4), a partir das 19h30, na Igreja de São Frei Pedro Gonçalves. A programação segue até a terça-feira (7), em diferentes monumentos localizados no perímetro do Centro Histórico. O evento é resultado de uma parceria entre a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) e a Lume Arte, que realiza o festival. A entrada é gratuita.

Duofel é considerado um dos principais patrimônios da música instrumental brasileira. A dupla é formada por Luiz Bueno e Fernando Melo. Juntos, os dois músicos têm no currículo mais de 30 anos de carreira, vários prêmios, além de apresentações de sucesso no Brasil e nos principais festivais da Europa.

Em 2001, Duofel chegou a tocar ao lado da Orquestra Jazz Sinfônica. Também foi finalista do Prêmio Visa de MPB. No ano seguinte, ganharam novas influências, adicionando ao trabalho a viola nordestina de dez cordas e a música eletrônica.

“Duofel Plays The Beatles” é o título do álbum da dupla, lançado este ano. No trabalho, os violonistas Luiz Bueno e Fernando Melo mostram um lirismo com releituras de clássicos do quarteto britânico. A qualidade e a inovação do disco ainda renderam aos dois artistas uma apresentação no Cavern Club, em Liverpool, na Inglaterra. O repertório do CD beatlemaníaco será ouvido durante a Mimo 2010.

Chorisso – O grupo nasceu de reuniões informais na Paraíba, feitas pelo professor José Augusto Maropo. O Chorisso é formado por Renan Rezende (flauta transversa), Lucyane Alves (bandolim), Poty Jr. (cavaquinho), Gutemberg Nóbrega (violão 6 cordas), Vinícius de Lucena (violão 7 cordas) e Carlos Moura (pandeiro). Desde 2007, os músicos vêm se firmando como representantes do choro no Nordeste.

O grupo Chorisso já foi premiado em 2008 pelo projeto Pixinguinha e, atualmente, trabalha na produção de seu primeiro disco. Nos shows, além de interpretar clássicos do chorinho, também costuma executar composições próprias.

Músicos paraibanos em Pernambuco – Grupos paraibanos também serão atrações da Mimo na cidade de Olinda (PE). Lá, o evento começou na quarta-feira, primeiro de setembro. A Orquestra Sanhauá se apresenta no domingo (5), a partir das 11h30, na Igreja da Sé. Já na segunda-feira (6), às 16h30, é a vez do grupo Paraibones, na Igreja do Monte, localizada na Praça Nossa Senhora do Monte.

Segundo ano em João Pessoa – Desde o ano passado, João Pessoa faz parte da programação da Mostra Internacional de Música em Olinda (Mimo). Da primeira vez, houve a apresentação do francês Didier Lockwood, considerado um dos mais importantes violinistas do jazz atual, com o compositor e arranjador brasileiro Ricardo Herz. O duo contou ainda com a participação do Quinteto da Paraíba e do rabequeiro Antônio Félix, de Várzea Nova (PB).

Na Capital paraibana, o evento acontece este ano no período de 4 a 7 de setembro. Os locais escolhidos foram as igrejas de São Frei Pedro Gonçalves e da Misericórdia, além da Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves e do Convento de São Francisco.

Esta é a sétima edição da Mimo. Nas três cidades onde acontece, a organização estima um público de 100 mil pessoas. Serão cerca de 500 músicos em 39 concertos ao todo, realizados em 16 igrejas. A iniciativa tem patrocínio do Ministério da Cultura (Minc), BNDES, Chesf, Empetur, Caixa e Prefeituras de João Pessoa, Olinda, Recife, e apoio da Coordenação de Extensão Cultural (Coex) / Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Prac) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Confira abaixo a programação completa da Mimo em João Pessoa:

Sábado (04/09)
A partir das 19h30
Igreja de São Frei Pedro Gonçalves (Centro)
Chorisso e Duofel

Domingo (05/09)
A partir das 19h30
Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves (Centro)
Egberto Gismonti e Orquestra de Sopros da Pro Arte
Paraibones

Segunda-feira (06/09)
A partir das 19h30
Igreja da Misericórdia (Centro)
Camerata Arte Mulher e Selmer 607

Terça-feira (07/09)
A partir das 19h30
Igreja de São Francisco (Centro)
Na nave central: Cristina Braga e Dado Villa-Lobos
No adro Interno: Orquestra Sanhauá