Emlur adquire novas roçadeiras para agilizar operações nas ruas

Por - em 24

Com o intuito de aperfeiçoar e agilizar o trabalho de limpeza urbana prestado à população de João Pessoa, a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) fez a aquisição de seis roçadeiras elétricas. As roçadeiras atuam em operações de limpeza de ruas, avenidas, canais, praças e outros aparelhos públicos, cortando mato em pequenos espaços.

 As máquinas serão usadas nas ações que a autarquia realiza regularmente para melhorar o aspecto da cidade, embelezando e levando bem-estar às pessoas.  Os novos equipamentos são de fácil manuseio e vão otimizar ainda mais o desempenho dos agentes de limpeza no serviço, além de ter uma maior durabilidade.

Segundo o diretor do Departamento de Remoção de Resíduos Sólidos, Varrição e Coleta da Emlur (Devac), Noé Estrela, as roçadeiras trarão importantes benefícios para os moradores como também para os agentes de limpeza. “As roçadeiras empreendem uma maior rapidez para a execução do serviço de limpeza da cidade, permitindo que mais áreas sejam trabalhadas num menor espaço de tempo”, enfatizou.

Fardamento – A Emlur iniciou nesta sexta-feira (18), a partir das 6h, a entrega dos novos fardamentos e equipamentos de proteção individual para cerca de 170 agentes de limpeza. Das 24 turmas que atuam na limpeza da cidade, recebem nessa primeira etapa os arrastões I, II e III; Volante I e II, além da Coleta-Noite. Na ocasião, os funcionários também receberão a apólice de seguro de vida. Os agentes vão assinar um termo comprometendo-se a manter o fardamento conservado. O kit é composto de botas, bermuda, calça, camisa, luvas e boné. Além disso, as turmas que trabalham com as roçadeiras elétricas ganharão óculos de proteção e camisas de mangas longas.

O superintendente da autarquia, Coriolano Coutinho, disse que é essencial que os agentes de limpeza usem o fardamento completo, para que possam ser reconhecidos pela população durante a sua atividade e como forma de segurança pessoal. Além de identificá-los, a farda se constitui em um item de segurança”, afirmou.