Emlur faz limpeza do trecho não canalizado do Jaguaribe

Por - em 38

A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) iniciou a limpeza emergencial do trecho não canalizado do Rio Jaguaribe. Com extensão de 5,8 quilômetros (km), esse trecho do rio corta o bairro do Bessa, Zona Leste de João Pessoa. A ação tem como objetivo desobstruir as margens e o leito do rio para melhorar as condições do fluxo da água, evitando alagamentos.

Para a operação, a Autarquia disponibilizou 28 agentes de limpeza, que fazem parte da Equipe de Operações Especiais (Aquática). Com o auxílio de uma escavadeira hidráulica, a equipe está trabalhando nas proximidades da Comunidade São Luiz retirando o lixo, entulho e vegetação de dentro do rio. Além escavadeira, os agentes contam com um barco e ferramentas manuais como foice, gadanho, gancho, facão e corda.

Mesmo com difícil acesso para que a máquina chegue às margens do rio, o serviço está dentro do programado pela Emlur. A equipe Aquática foi desmembrada em duas: uma faz a capina das margens do rio e a outra segue retirando todo tipo de lixo que encontra no local. A operação é uma reivindicação da comunidade e uma preocupação da Prefeitura Municipal de João Pessoa que, por meio da Emlur, já limpou este ano trechos do Rio Jaguaribe e do Rio Cuiá.

De acordo com diretor de Operações, Orlando Soares, a intenção é evitar, futuramente, que a população ribeirinha sofra com enchentes. A ação também tem como objetivo conscientizar a população local de que rio não é lugar de lixo. “Queremos que os moradores sejam nossos parceiros e evitem jogar lixo nos rio, pois o essa atitude só contribui para causa sérios problemas como a poluição do rio, do solo, dentre outros agravantes para o meio ambiente”, alertou o diretor.

Após a limpeza superficial do trecho não canalizado do Rio Jaguaribe, a Emlur vai começar os serviços de limpeza nos canais do bairro do Bessa para facilitar o escoamento das águas da chuva.