Emlur inicia ação preventiva na Saturnino de Brito nesta segunda

Por - em 22

Com o objetivo de evitar possíveis problemas provenientes durante as chuvas de inverno, a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) inicia nesta segunda-feira (22), a partir das 8h, uma operação preventiva que vai contemplar as 34 áreas de risco de João Pessoa. A primeira localidade beneficiada será a Comunidade Saturnino de Brito, nas Trincheiras. Em março serão atendidas as comunidades Timbó, nos Bancários; São José e Chatuba, em Manaíra; Maria de Nazaré, nos Funcionários II; e São Judas Tadeu, no Alto do Mateus.

A operação faz parte do Plano de Contingência da Defesa Civil que será realizado numa parceria intersetorial com várias secretarias municipais como a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Secretaria de Meio Ambiente (Semam); além de outros órgãos como o Corpo de Bombeiros, a Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa), o Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea) e a Energisa.

As ações preventivas contarão com a participação de uma equipe de operações especiais formada por 60 agentes que realizará os serviços de varrição, roço, capinação e pintura de meio-fio. Também será feita a retirada de lixo e a colocação de lonas de proteção em barreiras para evitar possíveis deslizamentos no período chuvoso. Para esse tipo de trabalho, a equipe de operações recebeu, em 2009, um treinamento especial em técnicas de rapel promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) em parceria com o Corpo de Bombeiros.

Além disso, as equipes de educação ambiental e de fiscalização irão percorrer as ruas fazendo a sensibilização dos moradores sobre a forma correta de se acondicionar o lixo e o horário adequado para colocar o material para recolhimento, que deve ser armazenado em sacos plásticos e depositado para coleta quando a passagem do caminhão coletor dos resíduos estiver próxima. Esse cuidado evita que animais possam perfurar os sacos e espalhar o material pelas ruas, provocando sujeira, alagamentos e a proliferação de animais causadores de doenças, caso do mosquito Aedes Aegypti, propagador da dengue, além de ratos e escorpiões.

Para o diretor de Operações da Emlur, Orlando Soares, esse trabalho conjunto de limpeza e conscientização mostra a importância da população ter uma atitude cidadã. “Não adianta apenas realizar a limpeza da cidade, é necessária a participação das pessoas na manutenção dela, evitando colocar lixo e acumular entulho em lugar impróprio”, afirmou.

Para o superintendente da Emlur, Coriolano Coutinho, essa ação preventiva é importante para minimizar os problemas que podem ocorrer no período de chuva. As comunidades atendidas se encontram em áreas de risco e sem essas ações as chuvas do inverno podem causar muitos danos. Por isso, a Emlur, juntamente com as demais secretarias e a, Desfesa Civil inicia essa operação preventiva”, afirmou.