Emlur leva projeto ‘Meu Bairro é Limpeza’ a Mandacaru e Alto do Céu

Por - em 64

A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) levou o projeto ‘Meu Bairro é Limpeza’ aos bairros de Mandacaru e Alto do Céu. As ações de limpeza e educação ambiental foram iniciadas nesta terça-feira (3) e só serão concluídas na sexta-feira (7). O trabalho envolve 80 agentes de limpeza, além de educadores ambientais e fiscais que estão levando para os moradores da área orientações sobre o acondicionamento correto dos resíduos, como forma de evitar inundações, proliferação de doenças, entre outros problemas.

Os servidores da Emlur estão desenvolvendo nos dois bairros ações de roço, capinação, varrição, coleta e pintura de meio fio. Para a limpeza de grandes áreas está sendo utilizada a roçadeira hidráulica, equipamento que reduz o tempo de trabalho para fazer o corte da vegetação. Além disso, educadores ambientais e fiscais da Autarquia abordam os moradores locais com informações sobre os problemas gerados ao se depositar o lixo em local inadequado.

“Em nossas abordagens explicamos que ao se jogar resíduos nas encostas, canais, terrenos baldios e rios, a população está contribuindo para as inundações e ainda com a proliferação de doenças. Mostramos que os resíduos precisam ser acondicionados em sacolas plásticas e essas, por sua vez, só devem ir para a rua no dia da coleta”, orientou o diretor de Operações da Emlur, Orlando Soares.

Colaboração – A superintendente do órgão, Laura Farias Gualberto, pediu a colaboração da população para que os bairros permaneçam limpos após o arrastão. De acordo com ela, não há necessidade da população colocar os resíduos em locais inadequados, pois essas localidades são atendidas pela coleta regularmente. Conforme contou, a coleta no Alto do Céu ocorre nas segundas, quartas e sextas-feiras e em Mandacaru o recolhimento é realizado nas terças, quintas e aos sábados. Nas duas localidades a coleta é diurna.

Além das ações de limpeza e de educação ambiental, o projeto ‘Meu Bairro é Limpeza’ leva para as comunidades os serviços que são oferecidos pela Emlur. Durante as atividades, uma tenda é montada dentro do bairro e lá a população pode fazer a solicitação de serviços, esclarecer dúvidas e encaminhar elogios e reclamações. Demandas de outras secretarias também são recebidas e, posteriormente, encaminhadas aos responsáveis pelas pastas.