Emlur mobiliza agentes e ‘ataca’ ponto de lixo no Trapiche

Por - em 27

A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) está realizando uma ação de limpeza na comunidade do Trapiche, localizada no bairro do Varadouro. O trabalho tem o objetivo de por fim a um ‘ponto de lixo’ que existe na localidade. Além de agentes de limpeza, a ação envolve educadores ambientais e fiscais do órgão, que estão abordando a população para orientá-la sobre os riscos à saúde pública e ao meio ambiente gerados pelo lixo depositado em locais inadequados.

A ação de higienização do terreno envolve 22 agentes de limpeza, que estão fazendo o recolhimento do lixo e a capinação da área. Além disso, 10 educadores ambientais estão abordando os moradores locais e falando sobre os prejuízos que são gerados ao se depositar lixo em local inadequado, citando como exemplos a proliferação de vetores causadores de doenças, inundações em períodos chuvosos e, ainda, a degradação do meio ambiente.

Vinte fiscais da Emlur também estão participando da ação educativa. Eles estão abordando os moradores locais a fim de falar sobre a forma correta de acondicionar os resíduos e explicar que o lixo deve ser colocado na rua no dia da coleta, para que seja recolhido pelo caminhão compactador. Os servidores também estão realizando na comunidade a ‘notificação cidadã’, na qual os moradores são orientados a não cometer infrações, a exemplo de jogar lixo em locais inadequados.

O diretor de Operações da Emlur, Orlando Soares, informou que o bairro do Varadouro é atendido pela coleta regular, por isso, não existe necessidade dos moradores utilizarem aquele terreno para depositar o lixo. “Encontramos na área grande quantidade de lixo domiciliar. Para se livrar daqueles resíduos os moradores os jogam em locais inadequados, gerando riscos para eles mesmos, pois aquele lixo atrai vetores causadores de doenças e ainda pode provocar inundações em períodos chuvosos”, comentou.

De acordo com a superintendente da Emlur, Laura Farias Gualberto, nesse tipo de ação a Emlur tenta firmar uma parceria com a comunidade para que não seja mais depositado lixo em local inadequado. “Nós realizamos a limpeza e a campanha educativa. Com isso, a população passa a ser nossa parceira e não joga mais lixo naquele espaço. Já fizemos trabalho semelhante em várias outras comunidades, como Ipês e Marta da Luz”, destacou.

O morador da comunidade do Trapiche, Luís Sales de Medeiros, disse que ficou muito feliz ao ver que foi realizada a ação de limpeza dentro da localidade. “Essa área limpa significa mais higiene e organização para a nossa comunidade”, salientou, acrescentando que a Emlur também fez a limpeza de um espaço que é usado para práticas esportivas. “Até o campo de futebol está sendo limpo para que os nossos jovens possam brincar. Isso é muito bom”, comentou.