Emlur realiza oficinas de frevo e de criação de fantasias a partir do lixo

Por - em 26

O clima de carnaval já invadiu a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) e, para que os servidores façam bonito durante a festa dedicada a ‘Momo’, o órgão está promovendo duas oficinas: uma que vai colocar todo mundo para frevar e a outra ensinar a fazer e reformar fantasias com material reaproveitado.

O objetivo é que os funcionários coloquem o que aprenderam em prática durante a saída do ‘Bloco da Limpeza’, agremiação da Autarquia que desfila ao lado do ‘Anjo Azul’ na abertura do projeto ‘Folia de Rua’, que ocorrerá na próxima sexta-feira (25).

A oficina de frevo foi iniciada nesta terça-feira 22 e prossegue até a quinta-feira (24), no Teatro Santa Roza, Centro de João Pessoa. O professor é o coreógrafo Marcos Brandão e os participantes terão a oportunidade de saber um pouco mais sobre a história do frevo e aprender dançando os seus principais passos.

Já a oficina que ensina a reformar e a criar fantasias será feita na Oficina de Artes da Emlur até a próxima sexta-feira (25) e terá como ministrante o coordenador do setor, o artista plástico Roberto de Carvalho. Durante as aulas, os servidores aprenderão a fazer a sua roupa para o carnaval utilizando materiais recicláveis como garrafa pet, latinhas, papelão, papel e plástico.

A idéia é que uma das alas no desfile do ‘Bloco da Limpeza’ seja formada por pessoas vestidas de fantasias feitas através do reaproveitamento de materiais. As peças, entre elas vestidos, saias, blusas e calças, estão sendo cuidadosamente elaboradas pelos artesões e artistas plásticos da Emlur. Destacam-se três vestidos: um feito de tampinhas de garrafa, outro confeccionado com caixinhas de leite e outra peça feita de malha com babados de sacos de lixo.