Emlur recolhe 170 toneladas de lixo e vegetação do rio Jaguaribe

Por - em 84

A limpeza do rio Jaguaribe, no trecho que corta os bairros do Cristo Redentor e Cruz das Armas, está sendo concluída pela Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur). Desde o início da semana, já foram retirados do leito e das margens do rio 170 toneladas de resíduos sólidos e vegetação. O objetivo da limpeza é evitar a ocorrência de alagamentos durante as chuvas e a população ribeirinha seja prejudicada.

Na próxima semana, a operação de limpeza começa pelo lado direito do trecho do rio entre a comunidade Tito Silva e a BR 230. Além da Emlur participam da operação, que faz parte do Plano de Contingência da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), a Defesa Civil, a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) e a Secretaria do Meio Ambiente (Semam).

O lixo, jogado pela própria população, e a vegetação, que prolifera com a poluição, comprometem a vazão do Jaguaribe favorecendo a ocorrência de inundações. Durante a semana, quem passou pelas ruas Xavier Júnior, José Tavares, Desportista Marcos Antônio e João Galdino, pôde observar a grande quantidade de material recolhido pelos 30 agentes de limpeza, que integram a Equipe de Operações Especiais da Emlur. Foram encontrados durante a limpeza pneus, móveis, televisores, entre outros. Até resíduos em decomposição já foram retirados pelos agentes.

Conscientização – Para impedir que após a limpeza o lixo volte a ser jogado no rio, a Emlur, por meio da fiscalização e educação ambiental, iniciou uma ação de conscientização que inclui abordagem porta a porta com os moradores da região sobre a importância de não se jogar lixo em locais irregulares. Os técnicos também orientam sobre como separá-lo e a necessidade de depositá-lo nos horários de coleta. Paralela a limpeza do rio, agentes de limpeza estão realizando desobstrução de galerias e pintando os meios-fios.

De acordo com o superintendente interino da Emlur, Orlando Soares, a população também tem que fazer sua parte para ajudar a manter rio Jaguaribe limpo. “Os moradores das áreas ribeirinhas devem ser nossos parceiros nessa luta para manter o rio sem sujeira, prevenindo, com isso, as inundações em época de chuva. Eles são os mais beneficiados”, disse Orlando Soares. Com essa ação de limpeza, os moradores já podem notar a diferença e perceber o curso do rio, antes tomado pelo lixo e pela vegetação.
Para dar mais agilidade ao trabalho, além da retroescavadeira que está auxiliando na retirada dos resíduos, a Emlur locou uma escavadeira hidráulica, máquina que possui um braço de longo alcance e ficará posta nas margens do rio. Também estão sendo usados na ação seis caminhões caçambas e equipamentos manuais como enxadas, carros de mão e pás. O serviço contemplará toda a extensão do rio Jaguaribe, desde a foz até a nascente, em uma extensão de 13,5 quilômetros, beneficiando toda a população ribeirinha. A Emlur disponibiliza para a população O telefone 0800 083 2425 para reclamações, solicitações e informações.