Equipe da STTrans ministra palestra no Hospital de Trauma

Por - em 23

Educadores da Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) ministraram nesta quarta-feira (7) uma palestra sobre prevenção de acidentes e segurança no trânsito para os funcionários do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto, localizado em João Pessoa. A atividade fez parte da 4º Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Sipat), promovida pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) da unidade hospitalar.

A 4ª Sipat é destinada aos funcionários do Trauma, unidade hospitalar que é destino da maioria dos casos de acidentes de trânsito ocorridos na Região Metropolitana. A palestra foi ministrada pelos educadores Thereza Madruga, José Adelton Ferreira e Aparecida Ferreira.

O foco principal da palestra foi o pedestre, componente mais vulnerável do trânsito, pois é quem sofre os danos mais graves quando os acidentes acontecem. Também foram abordados os perigos ao se conduzir um veículo após beber e levadas informações de condutas seguras que devem ser abordadas.

O educador, que também é agente de trânsito, José Adelson, falou sobre como deve ser o comportamento de condutores e pedestres nas relações criadas no trânsito, para que não ocorram situações de risco que resultem em acidentes. Ele lembrou que as pessoas que conduzem motocicleta também mereceram destaque, pelo grande número de acidentes envolvendo as motos, veículos que oferecem pouca ou nenhuma segurança.

Os acidentes com motos, conforme destacaram os educadores durante as palestras, deixam ferimentos severos nos pilotos e garupas, em muitos casos, perda de membros e sequelas permanentes, a exemplo de paraplégicos e tetraplégicos; ainda tem os que perdem a vida.

“A equipe de Educação para o Trânsito da STTrans está disponível para convites de outras instituições que queiram promover atividades educacionais de trânsito e transporte para os seus funcionários. Nós queremos contribuir para a formação de cidadãos que tenham consciências dos seus direitos e deveres”, disse a coordenadora de Educação para o Trânsito e Transportes, Teresa Madruga.