Escola no Cristo é reformada e agora atende o dobro de alunos

Por - em 26

Após 25 anos de espera, a Escola Municipal Bartolomeu Gusmão, situada no bairro do Cristo Redentor, passou por reforma e ampliação das suas instalações. O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) inaugurou nesta quinta-feira (19), as melhorias realizadas no prédio que atendia cerca de 500 alunos e agora passará a atender o dobro de estudantes, segundo a diretora Joselanda Andrade Batista. “Tínhamos espaço, mas não tínhamos infra-estrutura”, comentou.

A escola ganhou três salas, biblioteca, cozinha e refeitório, possibilitando que a partir de agora os alunos tenham um espaço adequado para fazer suas refeições. “Antes o lanche era servido e os alunos tinham que voltar para a sala de aula ou ficar no pátio. Agora, o lanche será servido no lugar certo e eles se alimentarão no refeitório, todos sentados”, contou a diretora.

A fachada da escola também foi modificada. O antigo muro que impedia as pessoas de ver o prédio foi substituído por grades, que junto ao trabalho de jardinagem feito na área externa, tornam o ambiente mais acolhedor para os visitantes e os alunos. O laboratório de informática foi ampliado e mais 20 computadores estão sendo adquiridos.

As paredes do prédio receberam revestimento de ladrilho, o pátio ganhou bancos e nos fundos da escola está em construção um ginásio poliesportivo coberto, que será concluído no mês de abril. “Ganhamos uma escola nova. Antes ela era pequena, deteriorada. Passamos 25 anos esperando por essa reforma. Tínhamos espaço, mais não tínhamos infraestrutura. Agora, poderemos ampliar o número de estudantes para mil, dobrando a quantidade de alunos matriculados”, comemorou a diretora Joselanda Batista.

Futuro – O prefeito Ricardo Coutinho falou sobre a importância dos investimentos na educação, que além de atender as necessidades imediatas da população, também serve de base para o futuro, com o fortalecimento da cidadania e da profissionalização das próximas gerações. Para ele, o combate a violência passa, necessariamente, pela melhoria no sistema educacional.

“Não adianta discutirmos o combate a criminalidade só com policiamento nas ruas. Precisamos investir na educação das nossas crianças e jovens para construirmos uma sociedade mais cidadã e, com isso, diminuir os índices de violência”, comentou.

Aliança – Ricardo falou ainda sobre a aliança que precisa ser feita para que o ensino no município tenha melhorias na sua qualidade. Ele ressaltou o empenho da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) na construção de novas escolas e reforma de outras, mas pediu também o envolvimento dos professores e funcionários nesse sentido.

A secretária de Educação e Cultura (Sedec), Ariane Sá, ressaltou a importância da participação dos pais e mães dos alunos nas atividades da escola. Ela convidou a todos a acompanhar de perto as ações desenvolvidas e a nunca deixarem de comparecer às reuniões de pais e mestres.

Após a inauguração das obras, a secretária se reuniu com toda a equipe escolar para explicar os critérios do ‘Prêmio Escola Nota 10’, que irá conceder uma abono salarial no final do ano letivo a todos os funcionários cujas escolas conseguirem alcançar as metas educacionais estabelecidas pela Secretaria.