Espetáculo da Paixão de Cristo terá seis apresentações no Espaço Cultural

Por - em 177

A Paixão de Cristo na visão de Judas Iscariotes e Maria Madalena. Esse será o enfoque do espetáculo “Flor da Paixão” vai retratar a vida de Jesus de 6 a 8 deste mês durante o projeto sacro promovido pela Prefeitura de João Pessoa. As apresentações ocorrerão às 19h e ás 21h na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em Tambauzinho, com entrada gratuita e previsão de três mil pessoas por sessão.

Com direção geral de Antônio Deol, direção musical e composição de Marcílio Onofre e assistência de direção musical do maestro Eli-Eri Moura, a partir do ponto de vista dos dois personagens, os demais componentes da narrativa vão acompanhando, interferindo e lançando questionamentos à medida que os fatos históricos se desenrolam. O componente regional do espetáculo será a cultura popular de João Pessoa e suas festas típicas (Folia de Rua, Festival de Quadrilhas, procissões religiosas e Festa das Neves), eventos que serão lembrados durante a encenação.

“O grande diferencial do espetáculo será esse link com a cultura popular de João Pessoa”, destacou o diretor da Divisão de Artes Cênicas da Funjope, Nanego Lira.

O espetáculo tem 55 pessoas no elenco, entre atores (18), atrizes (17), bailarinos (10) e crianças (10). O personagem Judas Iscariotes será vivido por Dema Camazo, Maria Madalena será interpretada por Ingrid Trigueiro e Jesus por Angelo Guimarães. “A expectativa para a estréia do espetáculo é a melhor possível. O elenco está afinado”, prevê Antônio Deol.

Figurino, cenografia e adereços – Produzido pelo Centro Vocacional Tecnológico Estação da Moda (CVT), da PMJP, o figurino é composto por 150 peças. A figurinista Tainá Macedo inspirou-se na flor da acácia, árvore símbolo da cidade de João Pessoa, e na flor do maracujá, também conhecida como “flor da paixão”, por ter representação na vida e saga de Jesus Cristo.

Outra preocupação foi a de criar uma identidade entre o público e o espetáculo. Para isso, as roupas fazem referência a eventos populares como a Festas das Neves, Carnaval Tradição, desfiles dos blocos Muriçocas do Miramar e Cafuçu, Festival de Quadrilhas e o bloco carnavalesco Anjo Azul.

A cenografia e os adereços (estes criados com material reciclado) também foram confeccionados no CVT.