Espetáculo do Coletivo Arlequim é escolhido para Paixão de Cristo

Por - em 29

A Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) divulgou nesta quarta-feira (1°), o resultado do concurso para seleção de projetos de produção e encenação da Paixão de Cristo 2011. A proposta vencedora, intitulada ‘a Dor do Calvário’, foi apresentada pelo coletivo de circo e teatro ‘Arlequim’ e grupo ‘Geca’. O concurso, realizado através de edital Público, é promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da sua Fundação Cultural (Funjope).

A Comissão Julgadora foi composta pelos professores do Curso de Teatro da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) Ana Valéria Vicente e Erlon Cherque Pinto e pelo ator Everaldo Pontes.

Esta é a sexta edição do espetáculo da Paixão de Cristo, com uma nova roupagem, onde a cada ano é feita a seleção de um texto através de editais. Outra inovação importante é a presença maciça de atores da cidade, que tem a oportunidade de se apresentar numa encenação inédita, com a presença de um grande público. O espetáculo é realizado no Ponto de Cem Réis no período da Semana Santa.

A cada ano, a Funjope tem mostrado um novo espetáculo, buscando um aprofundamento ainda maior com o fazer teatral, a formação de artistas da cidade e de platéia. O Projeto tem se consolidado ao longo dos últimos anos como um espaço de encontro e criação teatral dos diretores, dramaturgos, atores, atrizes, enfim, todos os profissionais das artes cênicas da Capital.

Grupos selecionados para o projeto – O grupo Geca foi fundado em 2004, pelo ator e diretor Marcos Pinto. O objetivo era dar continuidade à pesquisa do artista, relacionada ao erudito e popular nordestino, estudados dentro do Projeto de Integração e Descentralização dos Atores do Nordeste (Piane), coordenado pelo encenador Moncho Rodriguez. A base dos integrantes também está nas histórias de cordel. Já a Trupe Arlequim de Circo e Teatro foi fundada em 2008, pelo artista Diocélio Barbosa. O intuito é dar continuidade a uma pesquisa coletiva, voltada à disseminação e valorização da arte circense e teatral.

Mais informações na Funjope, localizada na rua Duque de Caxias, nº. 352, no Centro da Capital ou pelos telefones 3218-5551 e 3218-5502, em horário comercial.